Topo

Conrado conta que foi morar com Renato Aragão após tentativa de sequestro

Reprodução/R7
Conrado fala de traumas fora de "A Fazenda 9" Imagem: Reprodução/R7

Do UOL, em São Paulo

27/09/2017 14h50

Em conversa nesta quarta-feira (27), Conrado revelou para os peões seus traumas após uma tentativa de sequestro. O cantor deixou a casa onde vivia e foi morar com o humorista Renato Aragão.

O peão falava de sua vida no Rio de Janeiro nos anos 1980, quando comentou o episódio para Flávia, Marcelo, Monick e Matheus: “A gente ainda namorava, a mãe dela saiu para fora da casa e eu estava em Os Trapalhões, bem visado na época. Simularam um sequestro, pegaram um carro na cor do meu e deram um cavalo de pau sinistro em frente a casa e eu tinha que deixar a Andréia às 22h30”. 

“O cara foi atrás de mim e eu não tive tempo de respirar. Parou na minha frente com um carro igual e a arma, era sequestro. A mãe da Andréia saiu na varanda e começou a gritar, tinha uma loira dentro do carro para parecer que era a Andréia, eles armaram certinho. Ficavam gritando entra logo e o cara com a arma. Pegaram a chave do meu carro e eu pegava de volta, implorando para não levar meu carro, eu chorando”, disse o cantor.

“Nisso o pessoal tinha ligado para a polícia, mas a polícia não foi. A polícia do Rio não vai, ela ganha muito pouco para uma coisa dessas. Não me levaram só porque a mãe dela ficou gritando. E quando ele ligou o carro e foi embora achando que a Andréia tava dentro? Ela chorava, desmaiava”, relatou Conrado. 

“Aí o cara foi embora. O Renato chegou e falou vem morar na minha casa. Fiquei morando um ano e meio com ele para fugir de tentativa de sequestro e essas coisas”, finalizou o peão. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!