Topo

"O povo ainda é muito preconceituoso", diz filha sobre eliminação de Harumi

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

27/01/2016 12h16

Participante mais velha de todas as edições do “BBB”, Harumi, de 64 anos, foi eliminada na terça (26) porque, na visão de Luana Aquito, filha da jornalista, o público que assiste ao reality ainda tem resistência a tipos diferentes de brothers, que fujam, por exemplo, dos estereótipos de jovem, sarado, boa pinta ou sedutor. 

“Lógico que o público quer um gatão, que faça aquele drama todo, do que uma pessoa que tenha mais conteúdo. O povo ainda é muito preconceituoso com essa questão de idade, avaliou Luana, de 27 anos, referindo-se a Daniel, que venceu Harumi no primeiro paredão.

Jornalista como a mãe e o irmão, Luana vê como positiva a mudança promovida pela produção do “BBB”, que neste ano optou por uma seleção mais diversificada e com participantes de diferentes gerações. No entanto, ela acredita que o abismo cultural em relação ao grande público afeta negativamente quem teria, na casa, mais conteúdo a ser explorado. 

“Embora queiram reformular [o reality], as pessoas não estão preparadas para conversas sobre assuntos mais sérios. Teve um dia que ela [Harumi] falava sobre os atentados da França, o Matheus falou sobre a tragédia em Mariana, mas a massa mesmo quer ver baixaria, o circo pegar fogo. Está mudando, tanto que a Geralda entrou na casa, mas ainda existe uma barreira”, considerou.

De licença-maternidade, Luana pretende, após a saída de Harumi, acompanhar menos o programa. Sobre o campeão, ela faz suas apostas: “Quem tem grandes chances de ganhar é o Renan, porque ele é na dele, e a Adélia”.

Daniel, o maior jogador do “BBB16”?

Harumi se mostrou surpresa com Daniel, que a indicou ao paredão com a justificativa de que, mesmo tendo desabafado com ela, a sister era distante dos demais confinados. Luana diz concordar com a mãe, que definiu o brother como um dos maiores jogadores da edição.

“A ganância leva as pessoas para um outro lado. Todo aquele escândalo... É um homem de 38 anos, tem que se recompor. Mas é isso que o povo gosta”, disse. 

a primeira semana em 1 minuto

UOL Entretenimento

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!