Topo

Especial BBB17

Mauricio Stycer

Em interferência extrema, Leifert dá ideia para um grupo enganar o outro

Reprodução/TV Globo
Brothers do lado mexicano negociam com Leifert Imagem: Reprodução/TV Globo
Mauricio Stycer Maurício Stycer

Mauricio Stycer

É jornalista desde 1986. Repórter e crítico do UOL, autor de um blog que trata da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Maurício Stycer

Colunista do UOL

10/03/2017 23h59

Aprimorando a atitude que tem adotado desde o início do “BBB17”, Tiago Leifert tomou a iniciativa, nesta sexta-feira (10), de sugerir ao grupo “mexicano” como enganar melhor o grupo “americano”. 

Desde quinta-feira, Rômulo, Ieda, Roberta e Vivian acreditam que o líder da semana é Marinalva, quando na verdade é Marcos. Mas a mentira tinha tudo para ser descoberta nesta noite, quando ocorreu a troca de um integrante de cada casa. 
 
Antes que Rômulo e Daniel trocassem de casas, Leifert agiu. Falando para Marcos, Emilly, Ilmar, Marinalva e Daniel, ele deu a dica, sem que nada fosse perguntado:
 
“Contar ou não (quem é o líder) continua sendo facultativo”, disse. “O uso colar do líder é facultativo. Se quiserem esconder, vocês podem”, prosseguiu. E mais: “Se vocês quiserem tirar as fotos do Marcos e esconder, a escolha é de vocês”. 
 
Animado com a sugestão, Marcos quis saber: “Dá para colocar o colar em outra pessoa?”. “Pode também. Sejam criativos”, pediu o apresentador.
 
Sentindo que Leifert é praticamente um colega, Marcos foi além e pediu mais: “Tiago, só pra ficar mais verossímil, não tem como mandar umas fotos da Marinalva pra botar no quarto?” 
 
Leifert riu e disse: “Tá querendo muito. Sejam criativos”.
 
Num momento em que parte do público tem manifestado irritação publicamente com a direção do programa, acusada de “manipular” a edição a favor de Emilly e Marcos, o gesto de Leifert na noite desta sexta-feira só colocou mais gasolina na fogueira.