Especial BBB17

Mauricio Stycer

Contra o tédio, Leifert pede protagonismo aos brothers e provoca Emilly

Reprodução/TV Globo
Pouco depois de ser anunciado o resultado, Ilmar lamenta saída de Daniel e Emilly se irrita Imagem: Reprodução/TV Globo
Mauricio StycerMaurício Stycer

Mauricio Stycer

É jornalista desde 1986. Repórter e crítico do UOL, autor de um blog que trata da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Colunista do UOL

28/03/2017 04h01

Eliminada Elis, no dia 28 de fevereiro, Tiago Leifert a chamou de “grande jogadora” e pediu aos brothers que parassem de se preocupar com coisas bobas, como a organização da cozinha: “E o que vocês vão falar quando saírem daí? 'Lavei uma louça, arrumei a casa, foi superlegal'. É isso? É só isso? Tem tanta coisa mais legal pra fazer aí.” 

Um mês depois, nesta segunda-feira, 27 de março, o apresentador não fez nenhum grande elogio a Daniel, o eliminado da noite, mas repetiu o discurso aos sobreviventes, implorando para que se dediquem mais ao jogo. 
 
“Tá acabando, hein. Mas não acabou ainda. Tem muito tempo ainda pra vocês fazerem alguma coisa. Num minuto vocês podem mudar o jogo completamente. Pro bem ou pro mal”, começou Leifert. “Vamos fazer uma conta por baixo. Um pouco mais de 14 dias. Digamos que vocês têm uma chance por minuto de mudar o game. Vocês vão ter mais de 20 mil oportunidades de fazer isso até o fim do programa”.
 
Dirigindo-se a Daniel e Emilly, que estavam no paredão, o apresentador disse que a decisão de voto do público é uma resposta a duas perguntas: “O que você que está aí no paredão fez? E o que você não fez?” 
 
Emilly respondeu: “Fiz tudo que eu queria”. Já Daniel parece não ter entendido a questão e disse: “Fica difícil saber no que eu errei. Tentei curtir o máximo que eu pude e ser eu mesmo o máximo que eu pude.”
 
Leifert disse em seguida: “E tem uma terceira pergunta, que talvez seja a mais importante de todas nesta reta final: O que você ainda pode fazer aí dentro?”
 
E, numa provocação clara a Emilly, que respondeu já ter feito "tudo que queria", acrescentou: “Aí você se vira para o cara de casa, que está votando, e fala assim: ‘Eu fiz tudo que gostaria de fazer’. Ele vai pensar: ‘Ué, mas para que eu vou te deixar na casa se você já fez tudo que gostaria de fazer?’”
 
Por fim, dirigindo-se aos demais participantes, possivelmente desanimados com as chances de vitória, Leifert suplicou: “Agora, não dá mais para ser coadjuvante, não existe mais coadjuvante. Vocês têm que ser ou querer muito ser protagonista. E pegar a história pra vocês, quando vocês quiserem, na hora que der. Está na mão de vocês, de todos vocês que estão sentados aí”.
 
Recados mais claros e diretos do que esses só se Leifert entrasse na casa e, segurando  cada um pela camisa, gritasse: “Joguem!” “Agitem!” “Saiam deste marasmo!” “Divirtam quem está em casa!”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Maurício Stycer
Topo