Topo

Especial BBB17


Rômulo critica atitude de Emilly pós-paredão: "Ela não tem autocrítica"

Reprodução/TV Globo
Rômulo fala sobre Emilly no paredão Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

20/02/2017 01h14

Após consolar Emilly, que teve uma crise de choro e ficou revoltada ao ser colocada no paredão com seis votos, Roberta decidiu conversar com Rômulo sobre a situação da amiga. Roberta ainda não sabe que o diplomata foi um dos brothers que votou em Emilly.

"Roberta, acho que a Emilly tem que se ligar que seis votos são um aviso", explicou Rômulo. Roberta surpreendeu ao concordar com o brother e afirmar que a amiga de fato precisa melhorar em algumas coisas dentro do reality. "Ela não sabe ouvir às vezes. Mas eu avisei, já tentei falar. Acho também que o lance dela e do Marcos deu uma complicada maior. Ela não fala com as pessoas às vezes também. E ela acha que está certa em tudo. Sem contar que todo mundo aqui tem uma história triste, não é só ela", alfinetou a youtuber.

"Eu não esperava que ela levasse seis votos, mas ela realmente achou que não ia ter voto nenhum? Aí é demais, é falta de autocrítica, que é uma coisa muito grave para a vida", respondeu Rômulo.

Paredão da semana

Emilly, Manoel e Vivian são os participantes que formam o paredão triplo desta semana no "BBB17". O capixaba foi para a berlinda por indicação do líder Pedro, enquanto a gaúcha e a manauara foram as mais votadas pela casa, com seis e três votos, respectivamente. 

"Quis sacar a vibe da parada e isso me levou a pensar em uma pessoa que ainda precisa tratar um pouco da convivência aqui na casa, de vez em quando se isola muito", disse Pedro ao indicar o capixaba ao paredão. 

Ao saber do resultado, Manoel e Vivian se abraçaram e choraram muito. Emilly, por outro lado, demonstrou muita irritação por ter recebido seis votos da casa. "Que paredão forte", resumiu Tiago Leifert ao chamar o público para escolher quem deve sair da casa.