Topo

Especial BBB17

Ieda chama Ilmar de retardado e manda o brother para o inferno

Reprodução/TV Globo
Ieda se irritou com Ilmar após discussão no "BBB17" Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

07/03/2017 11h06

Nem um muro separando a casa conseguiu esfriar os ânimos entre Ieda e Ilmar. O advogado, que está do lado mexicano do muro ao lado de Marinalva, Marcos, Emilly e Daniel, se irritou com Ieda por causa do voto da sister no programa desta segunda (6). Tiago Leifert perguntou aos brothers quem eles queriam ver fora do reality, e a sister foi uma das pessoas que indicou Emilly. A eliminação foi falsa e a gêmea continua no reality, mas Ilmar se irritou com o voto de Ieda.

Em conversa no quarto preto da casa principal, Ieda comentou a situação com Roberta, Vivian e Rômulo. "O Ilmar está indignado só porque eu votei na Emilly, porque eu não obedeci ele. Ele pediu pra eu não votar na Emilly e eu não obedeci, eu quis me proteger. Mas quem esse idiota acha que é para dizer em quem eu tenho que votar?", disparou Ieda, irritada. "Ele é retardado ou o quê? Ele está pensando que por ser líder pode dizer em quem eu tenho que votar? Pois vá para o inferno! Eu lá vou me colocar no paredão pra proteger a Emilly?", completou.

Pouco depois, a sister foi até a área externa da casa e pediu para falar com Ilmar mesmo tendo que gritar para o muro, já que os brothers de lados diferentes não podem interagir de maneira direta. "Tu tá irritado comigo, é isso?, questionou Ieda. Ilmar disse que não, mas que esperava uma postura diferente da sister. "Você não era obrigada a dar a sua palavra pra mim sobre a votação. Mas a partir do momento em que você deu, isso tem um valor muito grande. Se você não queria fazer isso, não falasse", criticou o advogado. "Ilmar, eu não sou obrigada a lhe dar satisfação só porque você é líder. Para com isso", respondeu Ieda, irritada.

A discussão terminou após a aposentada ficar irritada com as respostas de Ilmar e resolver voltar para dentro da casa principal.

Entenda a divisão da casa

Após falsa eliminação nessa segunda-feira (6), a casa do "BBB17" foi dividida por um muro em uma brincadeira com a política do presidente americano Donald Trump. Um lado foi chamado de "mexicano", enquanto o outro recebeu a alcunha de "americano". Tiago Leifert apelidou a separação de o "Muro de Trump". 

Quem está do lado americano (Ieda, Pedro, Roberta, Rômulo e Vivian) vai disputar exclusivamente a prova do anjo, enquanto o lado mexicano vai competir na próxima prova do líder. A divisão foi decidida por Emilly, que escolheu Marcos, Ilmar, Marinalva e Daniel para ficar ao seu lado, mesmo sem saber de sua permanência no programa. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!