Topo

Especial BBB17

Ilmar ignora pedido de desculpa de Emilly e Marcos diz: "A desculpa acabou"

Reprodução/TVGlobo
Marcos volta a criticar Ilmar ao conversar com Emilly Imagem: Reprodução/TVGlobo

Do UOL, em São Paulo

01/04/2017 17h46

Depois de compartilhar com Emilly sua linha de raciocínio sobre a postura de Ilmar no "BBB17", Marcos incentivou a sister a se desculpar com o advogado, neste sábado (1). A estudante aceitou o conselho do médico e procurou conversar com o brother do Mato Grosso do Sul. Após saber o resultado do papo, o gaúcho destacou: "Agora ele viu que a desculpa acabou".

Marcos foi específico: "Seguinte, essa nossa conversa com ele de nada vai adiantar porque ele não vai assumir. Quem joga dessa forma, jamais vai se entregar. Como o Rômulo. Vai ficar o dito pelo não dito e ele vai ficar ligado que a gente já sabe e vai se cuidar. Então, o negócio, já que a gente suspeitou é para dar corda para ele se enforcar sozinho". 

A gaúcha concordou em seguir as orientações de Marcos, que ressaltou a importância de a conversa acontecer antes da prova do anjo. Os brothers ainda não sabem que não haverá mais anjos no "BBB17" e esperam pela competição desde a última sexta-feira. "O Anjo pode mudar tudo", afirmou Emilly. 

Saindo do quarto do líder, a estudante acordou Ilmar, que dormia no quarto preto: "Mamão, posso falar com você?". O cozinheiro disse estar dormindo e com muito sono, ela insistiu alegando querer conversar longe dos demais colegas.

Sem ter muita atenção de Ilmar, a gaúcha declarou: "Só quero te pedir desculpas porque o Marcos me contou que você sentiu mal pelo negócio que aconteceu lá do prato. Desculpa". O brother continuou deitado com o rosto coberto e apenas murmurou: "Aham". 

Ao reencontrar Emilly, Marcos quis saber como foi. Ao descobrir que o colega não quis conversar, o cirurgião concluiu: "Sabe por que? Porque agora ele viu que a desculpa acabou". "Se essa era o problema dele, ele acabou de mostrar que não é. Elementar, meu caro pinscher", finalizou ele. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!