Topo

Especial BBB17

Leifert anuncia que produção pode intervir caso Emilly reclame de Marcos

Reprodução/Tv Globo
Leifert se diz preocupado com o comportamento do casal Imagem: Reprodução/Tv Globo

Do UOL, em São Paulo

09/04/2017 23h38

Em um domingo atípico no "BBB17", com uma eliminação, Tiago Leifert abriu o programa ao vivo de uma maneira diferente, falando sobre sua preocupação com as constantes brigas do casal Emilly e Marcos. Depois de uma longa edição mostrando as últimas 24 horas da casa, o apresentador declarou: "O comportamento do casal nos preocupa e preocupa vocês. Emilly deve procurar a produção do programa a qualquer momento para denúncias e reclamações."

Leifert já tinha aberto o programa falando: "O comportamento do casal e as atitudes do Marcos nos preocupam". Após as cenas exibidas na edição, o apresentador afirmou que as cenas mostravam uma realidade que ultrapassava a barreira do "BBB17" e que nenhum tipo de agressão seria aceita. Emilly poderia reclamar para a produção a qualquer momento quando se sentisse incomodada pelo comportamento de Marcos. 

"O BBB é um jogo, é um programa de entretenimento que espelha a vida real. O que nós vimos hoje acontece em tempo real, porém sem as câmeras. Uma discussão como a que aconteceu hoje pode levar a uma agressão física, que não é admissível  nem no programa, nem na vida real", disse o apresentador.

"O 'Big Brother' está preparado para interferir e proteger os participantes. Mesmo assim, hoje, no início da noite, conversamos separadamente com Emilly e Marcos. Conversamos primeiro com Marcos, que foi alertado sobre seu comportamento e sobre as regras do programa. Depois. a gente falou com a Emilly e a gente reforçou o que é óbvio, ela pode e deve procurar a produção do programa a qualquer momento para denúncias e reclamações", completou. 

Durante a "Festa Emoções, o casal voltou a discutir e o médico passou os limites, beirando a agressão física. O cirurgião perdeu o controle e colocou o dedo na cara de Emilly, encurralando a sister em um canto da sala. O desentendimento aconteceu após Emilly sair da festa com Vivian e perguntar para o brother se ele queria que ela ganhasse o reality. Marcos respondeu apenas que o público deveria decidir.

O gaúcho foi acusado de agressão nas redes sociais e uma hashtag pedindo a saída do brother ganhou rapidamente popularidade. Minutos antes do programa, Emilly não segurou a emoção e chorou abraçada a Marcos na cozinha: "As coisas aqui são difíceis, a gente chega no nosso limite".