Topo

Especial BBB17

Emilly culpa pressão dentro da casa por conflitos com Marcos

Reprodução/TVGlobo
Emilly: "A gente tem que ser muito forte psicologicamente pra aguentar tudo isso" Imagem: Reprodução/TVGlobo

Do UOL, em São Paulo

11/04/2017 03h21

O clima pesado depois da expulsão de Marcos do programa na noite anterior deu lugar a uma atmosfera um pouco mais tranquila ao longo da madrugada desta terça-feira (11). Menos pesarosa e aparentemente mais conformada com a situação, Emilly tentava achar respostas para a constante tensão entra ela e o cirurgião, que culminou com seu afastamento dias antes do final do programa.

"A gente tem atitudes aqui dentro, que a gente talvez não tivesse lá fora porque a gente não estaria com toda essa pressão, com tanta coisa acontecendo. Isso aqui, a gente tem que ser muito forte psicologicamente pra aguentar tudo isso", avalia a gaúcha. Ieda discorda: "Mas eu acho assim também, vou discordar um pouquinho de você. Se você tivesse numa balada, em uma cidade qualquer, e o Marcos estivesse lá dentro, você nem daria bola pra ele".

Vivian entra no assunto dizendo que não tem como saber como seria: "Talvez fosse como foi aqui, não foi de primeira". Emilly também rebate a aposentada: "Em uma balada, eu não quis, mas ele me conquistou pelo que ele é".

Expulsão do médico

Marcos foi expulso do programa acusado de agredir fisicamente e psicologicamente a sister gaúcha, como quem mantinha um relacionamento dentro da casa. O anúncio foi feito pelo apresentador Tiago Leifert no programa ao vivo de segunda-feira. Com isso, Emilly, Ieda e Vivian tornaram-se finalistas automaticamente e disputam o prêmio principal que será definido na próxima quinta-feira. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!