Topo

Especial BBB18

Ana Paula Renault

Quem segura a família Lima? De odiados a favoritos no "BBB18"

Reprodução/TvGlobo
Imagem: Reprodução/TvGlobo
Ana Paula Renault

Ana Paula Renault

Mineira, nascida e criada em Belo Horizonte desde 1981. Filha de Deus e do meu pai, jornalista e ex-BBB formada. Pós-graduada duas vezes pela Fundação Dom Cabral e também pela vida. Participações em programas de televisão e até ponta em novela, figura constante em sites de fofocas e na boca do povo. Bon vivant, agora colunista do UOL e recebendo por isso.

Especial para o UOL

23/02/2018 17h38

Ontem foi a disputa pela quinta liderança no “BBB18” e deu família Lima novamente. Ana Clara realizou a prova da semana passada e ganhou, deixando a tacada de Mestre Ayrton decidir dessa vez.

A prova, sem grandes emoções, colocou os brothers como jogadores de golfe e quem fizesse mais pontos seria o novo líder. A reta final ficou entre o Tio Sukita e Breno, o genro do Brasil, onde o pai de Ana Clara levou a melhor e massacrou as chances do futuro participante de “Are You The One” circular livremente pela casa.

A biliderança da família Lima os permitiu mais uma semana de hospedagem grátis e nos deu a grande chance de ver Ana Clara desempatar uma votação em favor da Paula, sua mais nova amiga e algoz. É isso mesmo, meu caro leitor! Em conversa durante a última festa, entre uma investida e outra de Breno na amigona, Ruivo Hering se declarou e disse que se os amigos Gleici, Mahmoud e Paulete fossem para o paredão ela desempataria em favor de Paula Carolina! Se bem que aí podemos notar que o algoz muda de lado com essa lasciva pressãozinha psicológica. Não vou negar: Adooooooooro!!! Porque se estamos aqui é pela treta e nada menos do que treta.

A família Lima tem se destacado e muito ao longo dessa 18ª edição, e agora, sou obrigada a tratá-los separadamente, visto que pela primeira vez na história desse programa a cama de casal foi retirada e colocadas em seu lugar duas caminhas de solteiro. Será pela polêmica afetividade entre pai e filha no início do “BBB”? Estaria o "Big Boss" preocupado em resguardar a tradicional família brasileira? Acredito mais na possibilidade de manter a audiência e os patrocinadores felizes, em detrimento da natural convivência dos participantes. Segue o baile, com interferências e convidados vip.

O que não podemos negar é que toda a rejeição e desconfiança em relação aos Lima que restaram, se transformaram em torcida e das mais organizadas. Encabeçada por Ana Clara, ela galgou corações apaixonados (aqui fora) que a defendem com unhas e dentes sem admitirem sua esperteza e não valorizando assim, a jogadora que realmente é. Ayrton, apesar de 15 anos tentando entrar no "Big Brother", não atendeu as expectativas e protagoniza o papel de pai da Ruivo Hering. Tio Sukita também não agradou aos demais moradores da casa, e se não fossem pelas lideranças consecutivas, estaria limitado ao conflituoso convívio com a filha.

Agora, o que me deixa intrigada, é a casa ainda não ter atinado que duas cabeças pensam melhor do que uma, transformando automaticamente Ana Clara e Ayrton em fortes competidores, com duas torcidas, além de estarem tomando dois lugares nas disputadas camas (já que treta nesse “BBB18” só vem daí). Os brothers perderam a oportunidade de indicar a Família no primeiro paredão e agora estão perdendo o favoritismo para ela.

"Big Brother" que segue, colocando os Lima em terceiro lugar. E aí? Quem ocupa o primeiro e segundo lugar?

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!