Topo

Especial BBB18

Mauricio Stycer

Globo empurra prova do líder chatíssima para a TV paga e o pay per view

Reprodução/TvGlobo
Brothers disputam a segunda prova do líder Imagem: Reprodução/TvGlobo
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

É jornalista desde 1986. Repórter e crítico do UOL, autor de um blog que trata da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Colunista do UOL

02/02/2018 05h01

Apresentada como uma prova de “atletismo”, a disputa que deu a liderança a Lucas, na verdade, foi um exercício de paciência para os participantes e o público. Não teve nada de atletismo.

A estrutura da competição era de uma prova de corrida, mas testava na realidade a capacidade de os candidatos aguardarem o aviso de partida, que nunca chegava. Quase todos foram eliminados por este motivo. “Queimaram” a largada.

Como a direção não informou qual critério determinava o momento de cada largada, a prova permitiu aos espectadores especularem sobre possível manipulação.

A Globo deixou para iniciar a prova ao final do programa ao vivo desta quinta-feira (01). Tiago Leifert precisou explicar as regras três vezes e Mr. Edição deu a oportunidade aos participantes de testarem a situação outras três vezes. Desta forma, o programa saiu do ar assim que a disputa começou.

Só quem podia migrar para a TV paga, no canal Multishow, conseguiu ver a primeira parte da prova. Não foi suficiente, porém, para descobrir quem seria o líder da semana. A parte final da disputa, encerrada à 0h50, só foi vista por quem assinou o pay per view.

Bom negócio para a Globo, mas frustrante para quem, ao ver a apresentação da prova, entendeu que seria uma disputa ágil e rápida. Engano. Foi chatíssima.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!