Topo

Após punição, Caruso discute com Ayrton e dispara: "Seu bunda mole"

Reprodução/GlobosatPlay
Caruso discute com Ayrton na área externa da casa Imagem: Reprodução/GlobosatPlay

Do UOL, em São Paulo

05/03/2018 15h34

Após o anúncio da punição coletiva na tarde desta segunda-feira (05), Caruso foi provocar Ayrton na área externa da casa e a dupla discutiu. O paulistano não gostou do comportamento do patriarca da família Lima e disparou: "Você é um cag**, seu bunda mole. Vai se f****, porra! Vai tomar no teu rabo". 

Ayrton foi comunicar os brothers sobre a punição, porém Caruso respondeu de maneira irônica: "Parabéns, parabéns mesmo pelo vacilo". O carioca não se controlou e começou a citar diversas punições que foram responsabilidade do publicitário. 

Caruso apenas aplaudiu a situação e respondeu: "Como você é rancoroso, fica guardando isso". Ayrton ficou ainda mais irritado e gritou: "Sempre te respeitei, você é um cara que falta com respeito. Eu vou continuar te dando bom dia, mas se você não quiser, está feito”.

Reprodução/GlobosatPlay
Imagem: Reprodução/GlobosatPlay

Ana Clara tentou acalmar a situação e confrontou Caruso: "Para com isso, Você tá maluco? Vai arrumar o que fazer". Na sequência, a ruiva tirou o pai do local e pediu para ele se acalmar também.  

Punição

Durante a tarde desta segunda-feira (05), a produção do programa anunciou uma punição coletiva devido a um descuido de Ayrton. O brother usou um utensílio do grupo Tá com Tudo para cozinhar, porém a família Lima está no Tá com Nada desta semana.

Reprodução/GloboPlay
Imagem: Reprodução/GloboPlay

“Atenção a todos, a falta de atenção custa caro. Hoje, um participante do Tá com Nada utilizou de uma panela do Tá com Tudo. Por isso, 200 estalecas a menos para todos, totalizando menos 2600 estalecas", disse a voz da produção.

Ao esquentar água para fazer o arroz, o brother usou uma leiteira da equipe Tá com Tudo, sendo que, no momento, ele faz parte da equipe Tá com Nada. Ao perceber o erro, ele levou as mãos à cabeça e despejou a água na pia. O pai da família Lima continuou lamentando e escondeu o rosto com uma das mãos. "Po***, que m**** cara", desabafou.