Topo

"Se eu não tivesse ética, votava no Wagner", diz Viegas

Reprodução/Globoplay
Viegas conversa com Caruso sobre voto Imagem: Reprodução/Globoplay

Do UOL, em São Paulo

20/03/2018 21h02

Em conversa com Caruso nesta terça-feira (20), Viegas comentou que até pensou em votar em Wagner, mas que jamais faria isso pelo história de amizade que teve com o paranaense no jogo.

"Se eu não tivesse ética e moral, juro pra você que teria mais chance de eu votar no Wagner até do que repetir um voto na Jéssica", comentou o músico. "Mas se o Diego voltar, se ele ficar, a gente ganha um soldado", respondeu Caruso, certo da permanência de Diego.

"Estou confiante também que ele fica, mas se ele for eu vou ficar recalculando rota. Porque aí eu sinto nós dois sozinhos. O Wagner não cola com a gente, o time de lá é maior, é mais simples dele ficar lá", lamentou Viegas.