Topo

Especial BBB19

Mauricio Stycer


Leifert antecipa vitória de Carol antes da final; Boninho nega manipulação

Reprodução/TvGlobo
Tiago Leifert conversa com o público do "BBB19" Imagem: Reprodução/TvGlobo
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

É jornalista desde 1986. Repórter e crítico do UOL, autor de um blog que trata da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Colunista do UOL

2019-02-01T00:01:53

2019-02-01T13:06:53

01/02/2019 00h01Atualizada em 01/02/2019 13h06

O apresentador Tiago Leifert antecipou o resultado da prova do líder nesta quinta-feira (31) antes mesmo da disputa final. Ao informar que a última etapa da prova seria entre Carol e Hana, ele disse:

"Carol Peixinho e Hana estão na final dessa prova do líder. Quando terminar, a gente pede pra Carol escolher quem são as cinco pessoas que vão poder frequentar o quarto do líder. Depois disso eu chamo o Alan e falo pra ele indicar alguém ao paredão. Vamos lá pra final."

A suspeita de que a prova teria sido manipulada a favor de Carol incendiou o Twitter. Imediatamente, o diretor Boninho postou uma explicação: "Porque ela estava sentada no banco que a gente falou o tempo todo que seria o líder".

De fato, o público sabia desde o início que, na última rodada, quem estivesse sentado no banco número 12 seria o vencedor. Carol se sentou neste banco em etapas anteriores da prova. Mas qual garantia Boninho poderia ter que ela se sentaria na última rodada? E se Hana pulasse à frente e se sentasse neste banco?

Leifert também comentou o episódio em sua conta no Twitter. Em resposta à afirmação de Boninho, ele ironizou o seu poder de vidência: "Também faço mapa astral e trago seu amor de volta em 7 dias". Nem o diretor nem o apresentador pediram desculpas ao público pelo que aconteceu.

Pode ser ter sido apenas um acidente, um erro do apresentador Tiago Leifert. Ou um ato falho. Ficará sempre a dúvida na cabeça do público.

Em nota enviada nesta sexta-feira (01), a Globo minimizou o episódio e disse que foi um "ato falho": "Essa especulação não faz sentido. Foi apenas um ato falho. Na hora, em vez de comentar 'Carol e Hana', como fez na primeira frase, falou apenas Carol. Apenas isso".

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL