Topo
Blog do Mauricio Stycer

Blog do Mauricio Stycer

Faustão dá aula de mau gosto com fotos de frieiras, calos e unhas

Mauricio Stycer

16/05/2011 09h54

Durante 27 minutos, neste domingo, Faustão falou sobre chulé, frieiras, unha encravada, calosidades e outras doenças no pé em seu programa. A aula sobre o assunto teve direito à exibição de fotos horrendas, com closes em todo o tipo de deformação.

A certa altura, diante de um dedo com um calo horroroso, o apresentador disse que a imagem o lembrava de um doce, um "beijinho", e pediu para ver novamente.  "Ô louco!", gritou diante da foto de um pé com frieira.

"Olha aí os detalhes do pé", empolgou-se Faustão a certa altura da aula. Suas dançarinas, ao fundo, faziam cara de nojo – como, provavelmente, todo o público, a cada imagem mais terrível que a outra.

Além das fotos de pés "doentes", Faustão também mostrou cenas de um campeonato de chulé nos EUA e de um tratamento com o auxílio de peixes. "Esse tratamento eu sinceramente não conheço. Acho que ainda não chegou no Brasil", informou a podóloga levada ao palco. "O Ibama nunca vai deixar fazer isso aqui", observou Faustão.

A aula de podologia foi apresentada no "Tô a fim de saber", um quadro dedicado, supostamente, a responder a dúvidas dos espectadores. Em edições anteriores, o programa já tratou de temas tão variados quanto alimentação saudável, energia nuclear, terremotos, caspa, celulite, mau hálito, ressaca, queda de cabelo, câncer de mama, acidentes caseiros e cravos e espinhas.

Em matéria de mau gosto, as fotos exibidas este domingo no Faustão rivalizam com derrapadas históricas do programa, como o famoso sushi erótico e o caso "Latininho". Uma noite para esquecer.

Normas para comentários: Os comentários no blog são moderados previamente. Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro. Veto textos com acusações sem provas e ofensas, seja a pessoas citadas ou a outros comentaristas. Também não aceito textos escritos em maiúsculas (caixa alta) ou com links. Palavrões pesados e grosserias serão vetados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.