Topo
Blog do Mauricio Stycer

Blog do Mauricio Stycer

Seriado “Vida de Estagiário” tripudia do mundo da publicidade

Mauricio Stycer

29/08/2011 07h05

Com "Vida de Estagiário", que estreia nesta segunda-feira, às 19h, a TV Brasil apresenta a terceira e última das séries vencedoras de um inédito concurso público promovido pelo Ministério da Cultura, em 2008.

O edital convidava produtoras a apresentarem projetos com "uma visão original sobre a juventude brasileira das classes C, D e E". Foram recebidas 225 ideias de seriados, oito foram selecionadas para realização de pilotos e, destas, três escolhidas para produção de seriados com 13 episódios cada.

Gostei bastante de "Natalia", sobre uma jovem evangélica que vira modelo no Rio, menos de "Brilhante F.C.", sobre um time de futebol feminino no interior. "Vida de Estagiário" é a única série de humor entre as três.

Baseado nas tiras de Allan Sieber, o seriado é uma comédia escrachada, de humor absurdo, ambientada numa agência de publicidade. "Estagiário trabalha como uma mula e ganha como meia mula", observa um amigo do protagonista.

Ainda que cumpra o objetivo de refletir, com ótimo humor, sobre uma condição muito comum no universo do jovem, a série de Vitor Brandt também faz gato e sapato do mundo da publicidade.

A pequena agência se chama Almeida, Bronson & Lewis (AB&L). O caricato dono, Seu Almeida (Fábio Espósito), tem dois cachorros, chamados Duda e Nizan. A dupla de criação, formada por Marlon (Conrado Caputto) e Paulinho (Luciano Amaral), não tem criatividade alguma. Há ainda a alucinada secretária Solange (Sheila Friedhofer) e a engraçadísima produtora Sílvia (Marianna Armellini).

Toda essa turma espreme Oséias (Thomas Huszar), o estagiário, como se ele fosse uma laranja. Como nas tiras de Allan Sieber, a graça vem da consciência completa que o personagem tem da exploração que  sofre. Ao mesmo tempo, Oséias sabe que aquela situação toda no fundo é muito engraçada.

Acrescente-se à receita o ótimo elenco, formado por atores pouco conhecidos, um texto inteligente e boa direção e temos um produto de qualidade, inteligente e agradável de ver.

"Vida de Estagiário" será exibido às segundas, às 19h, na TV Brasil.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.