PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

Por decisão de Silvio Santos, SBT não vai cobrir o impeachment no domingo

Mauricio Stycer

14/04/2016 19h01


O jornalismo do SBT está desolado. Por decisão de Silvio Santos, comunicada na segunda-feira (11), a emissora não vai ter nenhum tipo de cobertura especial sobre a votação do impeachment da presidente Dilma, neste domingo.

O SBT vai interromper a sua programação apenas para dar um flash quando o resultado da votação for conhecido. No fim da noite, o "Conexão Repórter", comandado por Roberto Cabrini, será ao vivo, sobre o assunto.

Em defesa de decisão de silenciar o SBT no domingo, Silvio Santos argumentou que não quer passar a impressão de estar de um lado ou de outro, no espectro político.

O departamento de jornalismo vinha, já há algum tempo, planejando uma cobertura especial para este domingo. Chegou-se, inclusive, a pensar em uma transmissão ao vivo, contínua, ou com vários boletins durante a programação.

Não é a primeira vez durante esta crise política que o SBT se omite. No dia 4 de março, quando o ex-presidente Lula foi levado para depor na Polícia Federal e Dilma fez um pronunciamento ao vivo, a emissora praticamente não alterou a sua programação. A imagem no alto registrou este momento.

Veja também
Em dia agitado no Brasil, SBT é a emissora que menos mexe na programação

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.