PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

Corajosa, Xuxa ri de si mesma e do insucesso de seu programa na Record

Mauricio Stycer

07/05/2016 16h01

Protagonista de um vídeo do Porta dos Fundos divulgado neste sábado (07), Xuxa se expõe de uma forma inédita e surpreendente, rindo de si mesma e debochando da Record, a emissora que a contratou no ano passado.

O Porta dos Fundos fez uma paródia do quadro "Toc Toc", uma das atrações do programa que apresenta às segundas-feiras, no qual faz visitas de surpresa a fãs.

A piada gira em torno do fato de que ninguém conhece Xuxa ou sabe onde ela está trabalhando. "Jéssica, você está no meu programa, o Programa Xuxa Meneghel", diz a apresentadora. "É Globo?", responde a suposta fã. "Não, é Record", diz Xuxa. "Ah…" A apresentadora é confundida com Eliana e Luciano Huck. A única fã que a reconhece pensa que Xuxa trabalha na Manchete.

A graça do vídeo é justamente a associação com a dificuldade que Xuxa está tendo de emplacar o seu programa na Record. Lançado em agosto de 2015, a atração tem tido média de 6 pontos no Ibope e frequentemente deixa a emissora em terceiro lugar no horário, atrás da Globo e do SBT.

Espero que a emissora tenha o mesmo bom-humor da apresentadora e saiba rir da situação.

Veja também
Dez sugestões para Xuxa sair da lama
Gravado e com novo diretor, Xuxa perdeu audiência e não venceu mais o SBT

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.