Topo
Blog do Mauricio Stycer

Blog do Mauricio Stycer

“Brasil é um dos países mais racistas do mundo”, diz criador de Mister Brau

Mauricio Stycer

26/04/2018 17h13


No segundo episódio da quarta temporada de "Mister Brau", a ser exibido na próxima terça-feira (01), um dos filhos adotivos de Brau (Lázaro Ramos) e Michele (Taís Araujo), o garoto Egídio (Leonardo Lima Carvalho), será acusado injustamente de roubar um skate dentro de uma loja em um shopping. O tema servirá de pretexto para uma discussão sobre racismo no seriado. No material de divulgação enviado pela Globo nesta quinta-feira (26), Jorge Furtado comenta o episódio:

"A gente elenca os temas e, em cada episódio, pensamos qual é o assunto sério que vamos tratar. A comédia não é uma palhaçada, tem que partir do drama. 'Mister Brau' tem um monte de piada, mas tem momentos emocionantes. Partimos de um afeto verdadeiro entre eles", diz o criador da série (à esq na foto, com Lázaro Ramos e o diretor Maurício Farias). "Eles querem que o fato se torne público para que outras pessoas não sejam discriminadas também".

E acrescenta: "O Brasil é um dos países mais racistas do mundo, resultado de quatro séculos de escravidão, nunca inteiramente superados. Compare-se com os EUA, que tem 13% de população afro-descendente e uma intensa participação dos negros em todas as áreas. No Brasil, com 52% de negros, são raros os que alcançam posição de destaque em muitos segmentos. A dramaturgia e o humor, enquanto divertem, nos ensinam sobre nós e sobre o mundo. Todos temos preconceitos e nunca é tarde para superá-los", diz Furtado.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.