Topo

Em oito meses, dono da Havan apareceu 210 minutos em seis programas do SBT

Mauricio Stycer

12/08/2019 14h10

Luciano Hang participou este domingo do Jogo das 3 Pistas comandado por Silvio Santos

Um dos principais anunciantes do SBT, o empresário Luciano Hang se tornou figura cada vez mais presente na programação da emissora. Nos últimos oito meses, ele esteve em seis atrações da casa, totalizando 210 minutos (ou três horas e meia) no ar.

Entre 8 de dezembro do ano passado e este domingo (11), Hang participou com destaque no "Programa Raul Gil", "The Noite", "Programa do Ratinho", "Programa da Eliana", "Conexão Repórter" e "Programa Silvio Santos". Nenhum outro empresário teve tamanha exposição no SBT neste período.

Em todos os programas, Hang foi apresentado como "um dos maiores empresários do pais" ou "um dos empresários mais bem-sucedidos da atualidade", com menções aos números de lojas e funcionários de sua rede varejista.

Eliana disse que ele é "um baita exemplo para todos nós, brasileiros". A Roberto Cabrini, Hang reconheceu que não é exatamente uma figura magnética: "Eu sou careca, narigudo, feio, até me chamam de 'véio da Havan'. Não me incomoda".

Em todas as atrações, também, Hang falou de forma laudatória sobre o presidente Jair Bolsonaro, de quem se disse "um soldado". Como explicou para Ratinho: "Ajudamos o presidente a se eleger. Eu faço parte desta equipe de empresários, de pessoas do bem, que querem mudar o Brasil". E disse a Silvio Santos: "Eu quero um Brasil como os Estados Unidos, que eu tenho certeza que você também tanto gosta".

O negócio de Hang patrocina ou já patrocinou, nos últimos meses, os programas de Ratinho, Celso Portiolli (imagem ao lado), Danilo Gentilli e Eliana. Também comprou cotas de patrocínio da última edição de "Fábrica de Casamentos".

Questionado sobre a exposição de Hang em tantos programas, o SBT afirmou que "não há exigência dele". Segundo a emissora, "ele é um empresário que se tornou personalidade conhecida, assim como a empresária Sylvia Design que sempre participa dos programas". Também perguntei qual é o peso da Havan no faturamento do SBT, mas a informação, segundo a emissora, não é divulgada "por questão ética".

E se fosse publicidade?

Quanto Hang teria que desembolsar para aparecer 210 minutos em anúncios comerciais da tela do SBT? É muito difícil calcular. Um comercial de 30 segundos, em rede, no "Programa Silvio Santos" sai por cerca de R$ 600 mil. Mas os preços de tabela de publicidade mostram os valores "cheios", sem desconto. Os 30 segundos mais baratos no SBT, em rede, custam R$ 69 mil (no "Sábado Animado").

Muito por baixo, se esse tempo fosse convertido em inserções de 30 segundos, ao valor de 50 mil, seriam 420 inserções num total de R$ 21 milhões.

Veja também
. Silvio Santos recebe empresário que pediu demissão de Rachel Sheherazade
. Globo exibe comercial com elenco do SBT; há 30 anos, prática era vetada
. Raul Gil abre espaço no SBT para ataque gratuito a jornalista do UOL
. Luciano Hang: Temos que bater palma quando alguém compra um avião, mas no Brasil a inveja é triste

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Mauricio Stycer