Topo
Blog do Nilson Xavier

Blog do Nilson Xavier

Cansou das frases irritantes da novela das 9? Fizemos um bingo com elas

Nilson Xavier

22/01/2018 21h01

Tudo o que você ouve hoje / Amanhã volta pra você!

Este poderia ser o tema de abertura da novela das nove. "O Outro Lado do Paraíso" apresenta diariamente um verdadeiro festival de chavões – aquelas frases de efeito ou bordões ditos à exaustão, desgastados. Cada personagem importante na trama tem um. Às vezes mais de um. Ditos pelo menos uma vez por dia. E muitas vezes mais de uma vez. Chega a ser irritante!

Por isso bolamos o Bingo O Outro Lado do Paraíso. Imprima a cartela abaixo (modelo 1) em várias cópias e preencha com números de 1 a 20 em posições aleatórias para cada cópia, como no modelo 2. Reúna 2, 3, 4 amigos ou mais. De acordo com o gabarito abaixo, siga marcando um X cada vez que a frase é falada na novela. O primeiro que completar uma coluna, grita BINGO!

modelo 1

modelo 2

01. Marcel que caiu do céu!
02. Mãe de bicha…
03. Sou moça pura e virgem!
04. Eu preciso de um remedinho para a Clara.
05. Eu não posso perder a guarda do Tomaz!
06. Você tem gim? Eu quero gim!
07. Meu amigo Patrick é um dos melhores advogados criminalistas do Brasil!
08. Porque eu fiz coach… (seguido da explicação)
09. Você fala isso só porque eu sou anã!
10. Eu tô morta!
11. Não posso perder as esmeraldas!
12. Sabia que meu marido é gay?
13. Não sou racista!
14. Filho, lavo suas calcinhas!
15. As vozes me disseram!
16. Estela é como uma pedra bruta, só precisa ser lapidada…
17. Sou vegana!
18. Pronto, falei!
19. Não posso perder o Bruno!
20. O psiquiatra, o juiz, o delegado.

Fotos: reprodução/divulgação TV Globo.
Leia também: "A Globo extinguiu o Zorra Total e Carrasco o ressuscitou na novela das 9".
Siga no FacebookTwitterInstagram

Sobre o autor

Nilson Xavier é catarinense e mora em São Paulo. Desde pequeno, um fã de televisão: aos 10 anos já catalogava de forma sistemática tudo o que assistia, inclusive as novelas. Pesquisar elencos e curiosidades sobre esse universo tornou-se um hobby. Com a Internet, seus registros novelísticos migraram para a rede: em 2000 lançou o site Teledramaturgia (http://www.teledramaturgia.com.br/), cujo sucesso o levou a publicar o Almanaque da Telenovela Brasileira, em 2007.

Sobre o blog

Um espaço para análise e reflexão sobre a produção dramatúrgica em nossa TV. Seja com a seriedade que o tema exige, ou com uma pitada de humor e deboche, o que também leva à reflexão.