PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Chico Barney


Silvia Abravanel subverte lógica ao encarnar vilã em programa infantil

Fogo no parquinho  - Reprodução/Twitter
Fogo no parquinho Imagem: Reprodução/Twitter
Chico Barney

Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

Colunista do UOL

20/02/2020 12h17

O Brasil encontra-se estupefato com a performance de Silvia Abravanel no comando do Bom Dia & Cia. A impressão é que estamos presenciando algo único na programação infantil da televisão mundial.

As apresentadoras desse tipo de atração sempre seguiram uma tradição bastante conservadora. O tatibitati é usado como forma de aproximar o discurso do universo lúdico das crianças, e as mensagens sempre foram no intuito de promover as melhores atitudes e sensações nos coraçõezinhos dos telespectadores.

Pois a filha de número 2 do Silvio Santos subverte de maneira ousada a lógica do formato. Titular da derradeira atração do segmento na TV aberta, faz questão de abandonar o legado de Xuxa, Mara Maravilha, Angélica, Yudi e Maísa ao transformar os intervalos entre jogos e desenhos animados em um pitoresco reality show corporativo.

Na última quarta-feira, Abravanel deu um enquadro bizarro nos funcionários do Bom Dia & Cia. Uma questão de bastidores que ninguém havia dado importância veio à tona de maneira avassaladora, uma vez que o trecho com a acareação viralizou nas redes sociais. Maurício Stycer destrinchou o episódio.

No dia seguinte, a apresentadora voltou a mandar mensagens cifradas para inimigos hipotéticos. Queria saber se os invejosos deixariam ela viajar durante o carnaval, mandando às favas o contexto pueril necessário a um programa dessa estirpe.

Pode não ser a intenção da apresentadora, que desde 2015 comanda a bagunça nas manhãs do SBT. Mas ficou parecendo que alguma vilã do Castelo Rá-Tim-Bum havia assumido o controle do Bom Dia & Cia. Com o sucesso de filmes como Malévola, talvez a emissora esteja apenas se adequando ao zeitgeist.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

Chico Barney