PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Fefito


Elenco de 'Gênesis', da Record, sofre com surto de coronavírus e demissão

Pérola Faria testou positivo para COVID-19 - Reprodução/Instagram
Pérola Faria testou positivo para COVID-19 Imagem: Reprodução/Instagram
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

03/04/2020 10h31

Resumo da notícia

  • Pérola Faria, que estava no Marrocos, é uma das que testou positivo para o vírus
  • Produtores foram dispensados pela Casablanca tão logo chegaram no Brasil
  • O mesmo ocorreu com alguns nomes do elenco, que não tiveram contrato renovado

Depois de conseguir resgatar os atores, diretores e produtores que estavam presos no Marrocos com um avião particular, a Record descobriu que parte do elenco de "Gênesis", sua próxima novela bíblica, apresentou sintomas do coronavírus. Pérola Faria, que estava na viagem, é uma das que, segundo relatos da produção, adoeceram. A coluna apurou que pelo menos dois outros atores, que preferiram não vir a público, apresentam sintomas da doença, assim como produtores. Alguns preferiram dar uma pausa das redes sociais e manter a discrição.

Por meio de seu Instagram, a atriz nega que tenha contraído coronavírus.

Ainda no Marrocos, antes do cancelamento das gravações, Zécarlos Machado chegou a ter febre, mas negou ter contraído o COVID-19. Estiveram no país atores como Ângelo Paes Leme, Camila Rodrigues, Ana Paula Tabalipa, Carla Marins, Thais Muller, Marcos Winter, Alexandre Slaviero, Marcelo Arnal, André Luiz Miranda, João Villa, Izabela Bicalho, João Val e Mário Bregiera.

Como se não bastasse lidar com a possibilidade de contágio, produtores contratados pela Casablanca foram demitidos tão logo chegaram ao Brasil. E a Record acaba de tomar a mesma decisão com relação ao elenco. Contratados para períodos de três meses, já que "Gênesis" terá várias fases, vários atores estão sendo dispensados sem prorrogação do compromisso mesmo com as gravações incompletas. A justificativa é de que todos serão recontratados para finalizar suas cenas após a pandemia.

Fefito