PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Flávio Ricco


Flávio Ricco

Cauã Reymond troca Walcyr por Aguinaldo e cria mal-estar na Globo

Cauã Reymond é disputado pelos autores da Globo - Divulgação/TV Globo
Cauã Reymond é disputado pelos autores da Globo Imagem: Divulgação/TV Globo
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

14/02/2017 14h53

A decisão de Cauã Reymond em não aceitar integrar o elenco da próxima novela de Walcyr Carrasco na Globo, alegando trabalhos muito seguidos e também por causa de um compromisso no cinema, acabou criando um tremendo mal-estar na Globo.

Principalmente, porque agora já se confirma a sua escalação em “O Sétimo Guardião”, de Aguinaldo Silva, que entrará depois do Walcyr, em maio de 2018. A disputa pelo seu passe é sempre muito grande.

Liberado do antigo compromisso, ele será o protagonista de “O Sétimo Guardião” e fará par romântico com Marina Ruy Barbosa.

Ainda inconformado por ter perdido Cauã, de acordo com informações que circulam no Projac, Walcyr resolveu tomar satisfações com o alto comando da Teledramaturgia. Dois executivos da casa precisaram entrar em cena para apagar o incêndio.

Como se sabe, Walcyr e Aguinaldo nunca morreram de amores, um pelo outro, e este episódio só acaba colocando mais lenha na fogueira.

Aguinaldo, pelo menos no caso em questão, não teve nenhuma participação direta no ocorrido.

Curioso é que isso também vai mexer com a escalação de Chay Suede em “O Sétimo Guardião”. Inicialmente, ele seria o par romântico da Marina Ruy Barbosa. Agora, deverá fazer um bad boy e agitar um triângulo amoroso.


Lado da Globo

A respeito de todo esse noticiário, a assessoria da Globo enviou o seguinte comunicado: 
“Para a novela do Walcyr o que temos é um estudo prévio de elenco, de acordo com o desejo do autor e diretor, mas a escalação não está fechada ainda.
O Cauã era um destes desejos, mas o ator já havia se comprometido com um filme, em coprodução com a Globo Filmes, que rodará durante o mesmo período da novela.
Sobre a novela do Aguinaldo, que só vai ao ar 2018, não há escalação do elenco ainda.”

Ainda sobre todo esse assunto, pensando bem, prefiro repetir o que Aguinaldo Silva, há pouco, colocou no Twitter:
“por favor, não me comprometa. Não gosto de ver meu nome em bocas de Matilde...”

*Colaboração de José Carlos Nery

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Flávio Ricco