Coluna

Flávio Ricco

Canais de jornalismo perdem de goleada do esporte na TV paga

Reprodução/Instagram
Aline Midlej comanda o "Globo News Edição das 10h" Imagem: Reprodução/Instagram
Arte/UOL
Flávio RiccoFlavio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL

23/09/2017 00h06

Sem considerar a Globo, hoje, absoluta na aberta, única a marcar presença nos principais acontecimentos, o esporte, como produto, é um dos mais bem atendidos na TV paga.

Verifica-se que, entre as emissoras especializadas, existe sempre uma disputa das mais saudáveis em busca da atenção do público. E o interessante é que, mais no caso de algumas e um pouco menos em se tratando das outras, de certa forma todas têm alcançado os seus objetivos.

Considerando o número de canais, 11 no total, devemos entender que para tanto existe público dos mais interessados. Tudo ao contrário, também podemos entender e concluir, do que acontece com o jornalismo.

Contra essa imensa quantidade destinada ao esporte, só GloboNews e BandNews, entre as fechadas, se destinam a informação, estabelecendo o inconcebível placar de 11 a 2. Alguém tem alguma explicação para tão enorme diferença?

Volta confirmada
Geraldo Luís, por razões óbvias fora do ar no final de semana passado, voltará a apresentar, ao vivo, este próximo “Domingo Show” na Record. Vida que segue.

Esquema diferente
Até o ano passado, toda nova novela da Globo dava início aos seus trabalhos dois meses, se tanto três, antes da data de estreia.

Agora, diante das novas determinações, tudo funciona de forma bem diferente. “Deus Salve o Rei”, do Daniel Adjafre, primeiro lugar na fila das 7, mas com estreia só em janeiro, já iniciou suas gravações.

Passe disputado
O ex-jogador Sorin, que atuou na ESPN nesses últimos anos e saiu em agosto, é um nome que interessa ao Esporte Interativo.

A sua participação no programa do Zico e Rivellino, já entrou como parte deste jogo de aproximação.

Estreia
Começa na segunda-feira, no Viva, a exibição da nova série de especiais da “Escolinha do Professor Raimundo”, com direção de Cininha de Paula e exibições diárias às 20h30.

A estreia na Globo será em novembro, mas ainda não há uma definição de data.

Abertura
Programas como “Tamanho Família”, “Popstar” e “Os Trapalhões”, além da “Escolinha” que vem por aí, levaram a Globo a criar mais uma faixa de produção própria, aos domingos, começo da tarde.

E o que se vê é que, além de aumentar a carga de trabalho, são todos feitos para caber no bolso de novos anunciantes.

Me explica
Dia desses, no canal Disney, 105 da Net, um dos seus desenhos infantis falava e repetia a todo instante assuntos como paranormalidade e exame de consciência.

Aí bateu a dúvida que me encasqueta até agora: a criançada de 3, 4 ou 5 anos já está dominando também esses assuntos? Paranormalidade e questões de consciência?

Divulgação
Cássia Kis durante palestra para o "Trupe Cena" Imagem: Divulgação
Experiência
Encerrada a supersérie “Os Dias Eram Assim”, Cássia Kis interrompeu o início das férias para dividir sua experiência na TV, cinema e teatro com os alunos da “Trupe Cena”, um projeto da área de Desenvolvimento e Acompanhamento Artístico da Globo.

Trabalho, já no segundo ano, destinado a jovens talentos da casa e fora dela

Fechamento
“Sob Pressão”, da Globo, encerrou sua primeira temporada com média de audiência de 27 pontos na Grande São Paulo, e 30 pontos, no Rio.

Significou um aumento de 6 pontos (29%) e 7 (30%), respectivamente, na comparação com a média da faixa horária das 4 terças anteriores à estreia em 25 de julho. 

Foi o melhor resultado de uma série neste dia e horário, desde 2011 em SP e 2009 no RJ.

Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Sophie Charlotte no "Altas Horas" Imagem: Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Entrevista
Sophie Charlotte, recém-saída de “Os Dias Eram Assim”, mas já escalada para “Ilha de Ferro”, nova minissérie da Globo, é a convidada de Serginho Groisman no “Altas Horas” deste sábado na Globo.

Dentre outros assuntos, vai falar sobre os dois anos de casamento com Daniel de Oliveira, o filho, Otto, e a repercussão da supersérie. 

Bate – Rebate
• Diante de tantos problemas e resultados tão insignificantes, dentro da Record são fortes os questionamentos em cima da “Fazenda”...
• ... O desejo escancarado de parte dos seus diretores é que a atual edição seja a última...
• ... Não bastasse tudo que vem acontecendo, o resultado comercial está bem longe do desejado.
• Band vai fazer PSG e Bayern, quarta, 3 da tarde, pela Liga dos Campeões.
• Claudia Leitte tirou a semana para caitituar seu novo trabalho nas rádios...
• ... Em São Paulo, foi em quase todas...
• ... O que também não são muitas. A maioria está dominada pelas igrejas...
• ... Hoje, como já se falou por aqui, tem pastor pregando em castelhano.
• O próximo “Tá no Ar”, na Globo, com estreia no começo do ano, será exibido em 12 programas.
• Ana Hickmann, fora da TV, continua cuidando da expansão da sua rede de lojas. No dia 30 será inaugurada mais uma em São Bernardo do Campo.
• Hoje e amanhã, a ESPN exibirá 29 jogos ao vivo e a maior parte deles com exclusividade, distribuídos entre  os seus quatro canais.

• Colaborou José Carlos Nery
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo