Coluna

Flávio Ricco

Forte concorrência leva autores de novelas da Globo a trabalharem mais

Divulgação/TV Globo
Walcyr Carrasco, autor que sempre se caracterizou por escrever em ritmo contínuo, sem intervalos muito extensos Imagem: Divulgação/TV Globo
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

11/10/2017 00h06

Assim como acontece com os atores, os tempos também mudaram para os autores de novelas da Globo.

Longas férias de dois, três, até quatro anos, antes de começar a pensar em outro trabalho, para a grande maioria dos casos, deixaram de existir.

Ou, depois de breve descanso, já se inicia uma próxima ou existe a convocação para supervisionar o serviço de alguém.

Parado, cada vez mais, ninguém vai ficar. Regra que passou a valer tanto para os mais novos como aos mais antigos. Ou que está levando os mais antigos a se portarem como os mais novos. Concorrência a mil.

O “modus Walcyr”, referência direta ao Walcyr Carrasco, que sempre se caracterizou por escrever em ritmo contínuo, sem intervalos muito extensos, está cada vez mais em prática.

O exemplo da ocasião é o da dupla Alessandro Marson e Thereza Falcão. Nem bem saíram do ar com “Novo Mundo” e já estão preocupados em entregar uma outra sinopse. Todos, de uma maneira ou de outra, estão sempre procurando reservar seus lugares na fila.

Complicado
Quer um exemplo de falta de cuidado e ausência de chefia? Então olha: ontem, o BandSports abriu o seu jornal da manhã com uma reportagem da seleção brasileira, gravada dois dias antes pelo Fernando Fernandes. E o pior, vetê datado, escancarando o esculacho.

Matéria velha para embrulhar peixe. Tal estado de desordem talvez explique a diferença de resultados do BandSports e do Bandnews TV.

Campo minado
Renata Fan e Neto estão longe de serem considerados melhores amigos. Muito ao contrário.

No entanto, todos os dias, no encerramento do “Jogo Aberto”, na Band, ela civilizadamente chama o programa dele, que entra a seguir. Por que o mesmo não acontece às sextas-feiras para anunciar a Larissa Erthal?

João Miguel/Globo/Divulgação
Sonia Bridi e Paulo Zero apresentam mais uma temporada de "Jornada da Vida" Imagem: João Miguel/Globo/Divulgação
Jornada – 1
O “Fantástico” estreia neste domingo, dia 15, a terceira temporada da série “Jornada da Vida”, que mostra as origens da vida na Terra.

Agora, Sonia Bridi e Paulo Zero vão percorrer o Rio Nilo, da foz à nascente, em quatro episódios.

São mais de seis mil quilômetros e quatro países – Etiópia, Sudão, Uganda e Egito - até chegar ao Mar Mediterrâneo.

Jornada – 2
Pelo caminho, repórter e cinegrafista visitam tumbas e sítios arqueológicos proibidos para turistas, vão ao Lago Vitória, berço do vírus HIV, conhecem alguns órfãos da Aids - são 660 mil em Uganda, e vão à Floresta Zika.

Lá é que o vírus foi isolado pela primeira vez, apesar de o lugar nunca ter registrado um surto da doença.

Dúvida
A exibição do “Exathlon”, na Band, segue até dezembro, só que ainda não existe nenhuma decisão do horário das 20h30, após o seu encerramento.

Se entrará uma série ou voltará com a exibição de novelas.

Gianne Carvalho / Multishow
Tatá Werneck no "Lady Night" Imagem: Gianne Carvalho / Multishow
Garantida
A próxima temporada de “Lady Night”, no caso, a terceira, será gravada imediatamente após o término dos trabalhos de “Deus Salve o Rei”, que tem Tatá Werneck no time de protagonistas.

Esta próxima novela das 19h estreia em janeiro.

A definir
Em relação ao “Lady Night”, como única questão, ainda não resolvida, se as gravações vão continuar nos Estúdios Globo ou se voltarão a acontecer em produtora independente.

Deve haver uma mudança nesse circuito porque a prioridade, no antigo Projac, será da Copa do Mundo e, logo depois, do calendário eleitoral. 

Vôlei
Neste fim de semana, a Rede TV! dará início às transmissões da temporada 2017/2018 da Superliga Feminina e Masculina de Vôlei.

Serão dois jogos por semana, aos sábados e domingos, ao vivo, até maio do ano que vem.

A primeira rodada, neste sábado, a partir das 14h, terá o confronto das equipes masculinas de Sesc-RJ e Funvic/Taubaté. Narração de Marcelo do Ó e comentários de Ana Moser e William Carvalho.

Visto de trabalho
Se tudo der certo, e por aí entenda-se o recebimento de vistos de trabalho para toda a equipe, o elenco de “Apocalipse”, próxima bíblica da Record, iniciará gravações nos Estados Unidos daqui a duas semanas.

Cerca de 30 profissionais, entre atores e técnicos, vão viajar especialmente para esse trabalho. A estreia da novela, escrita por Vivian de Oliveira, continua marcada para novembro.

Campeonato italiano
A IMG, mesma empresa que detém os direitos do UFC e, recentemente, fechou negócio com a Conmebol para Libertadores e Sul-Americana, adquiriu os direitos mundiais da série A, do campeonato italiano.
Três temporadas, 2018/2019 até 2020/2021. Valor do negócio: 340 milhões de euros por temporada. A partir de agora irá negociar com as TVs.

Bate – Rebate
• Ruth Escobar, falecida na semana passada, será homenageada hoje, no “Persona em Foco”, da TV Cultura, a partir das 23 horas.
• O ambiente está meio convulsionado nos interiores da TV Minas e rádio Inconfidência, de Belo Horizonte...
• ... Funcionários se queixam que não aguentam mais trabalhar sob tanta pressão.
• Nesta quarta, depois do futebol, o “Profissão Repórter”, da Globo, retorna ao debate sobre as atuais formas de diversão entre os jovens da periferia.
• Malu Galli também foi chamada para uma participação especial em um dos episódios de “Cidade Proibida”, em gravação na Globo.
• Depois do sucesso no Recife, nesta quarta Xuxa se apresenta com seu show em Salvador...
• ... E, na sexta-feira, será a vez de Brasília.
 

*Colaborou José Carlos Nery

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo