Coluna

Flávio Ricco

Safadão informa que continua vendendo mais shows do que nunca

Reprodução
O cantor Wesley Safadão Imagem: Reprodução
Arte/UOL
Flávio RiccoFlavio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL

14/11/2017 00h05

A respeito da nota “Crise derruba agenda de shows de artistas no país; nem sertanejo escapa” publicada no último sábado, a assessoria de Wesley Safadão entrou em contato com a coluna e negou que ele tenha problemas com vendas de shows. Ao contrário. “Nossa nação está passando por um momento muito delicado no campo político-econômico, com isso os contratantes têm apostado em artistas que retornam com receita, e um dos nomes mais requisitados do Show Business é o dele [Safadão]”, diz a comunicação.

E mais: “Até o final do ano não tem data disponível e no Réveillon fará dois shows, um sendo no hotel Marina Park em Fortaleza, sua terra natal, e 80% da agenda para 2018 já está negociada. Assim, fica quase impossível ter folgas e quando tem, ele se dedica à família, visto que é casado e tem dois filhos pequenos, Isis e Yhudi”.

Esses fatores provocam “conflitos em agenda, o que impede as aparições com mais frequência nos programas de televisão. Safadão é um dos poucos que ainda se apresentam ao vivo, não faz playback, por esse motivo acaba por ser uma tarefa maior participar dos programas musicais, exatamente por conta de logística”, conclui.

*Colaborou José Carlos Nery
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo