Topo

Coluna

Flávio Ricco

SBT e Record não param de se pegar por causa do Ibope

Rafael Huspel/Folha Imagem
Imagem: Rafael Huspel/Folha Imagem
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

02/04/2018 00h06

A recomendação sempre existiu, mas como as TVs insistem em passar por cima, o Ibope proibiu a divulgação de resultados fragmentados de audiência.

Como exemplo mais descarado e constrangedor, comunicações de que tal programa ocupou a liderança por “x” insignificantes minutos.

Não há nada mais ardiloso que isso.

Aliás, a questão da audiência e comunicação de números, de uns tempos para cá, ficou polarizada entre SBT e Record, apenas as duas, e uma sempre cutucando a outra nos releases distribuídos.

Algo que até pelos termos ou tratamento empregados invade os limites da mais absoluta hipocrisia. Em vez da citação direta, há sempre a preferência ou obrigatoriedade em usar o termo “concorrente”, mas só entre elas, sem qualquer referência às demais, nem mesmo à Globo, “trocentos” pontos acima das duas.

E uma babaquice que se amplifica, na medida em que a disputa sempre se dá na raia mais miúda ou que raramente extrapola a casa dos centésimos ou milésimos. O que ganham com isso é que ninguém explicou até agora.

Chegando aqui

Diego Guebel, ex-Band, acaba de assumir a presidência da produtora de formatos Boxfish.

Há um ano em atividade na Espanha, a empresa agora irá ampliar as suas atividades na Argentina e Brasil, trabalhando na criação e desenvolvimento de formatos para televisão.

Adriane Sanseverino/Divulgação
Joyce Ribeiro no "Jornal da Cultura" Imagem: Adriane Sanseverino/Divulgação

Primeiro dia

Joyce Ribeiro assume, a partir desta segunda-feira, 21h15, a apresentação do “Jornal da Cultura”, como um novo desafio na sua carreira.

A exemplo do que já existia nos tempos do Willian Corrêa, caberá agora a ela a tarefa de receber diferentes e conceituados comentaristas das mais diversas áreas.

Trabalhando nisso

A direção da Band não trabalha com a proposta de estrear o programa de humor, do Stepan Nercessian, tão já. 

Há possibilidade de ser em maio, mas também são grandes, até maiores, as chances de ficar para o segundo semestre.

Fora de cena

Divulgação
O programa comandado por Domingos Meirelles não tem data para voltar Imagem: Divulgação

Devido ao pacote de estreias, o “Repórter Record Investigação”, do Domingos Meirelles, vai perder espaço na programação da Record. 

A atual temporada termina no dia 16 de abril e logo depois, dia 23, o espaço será ocupado pelo “Power Couple” do Gugu.

E não tem volta assegurada. O que ainda está sendo exibido, sem nada inédito, são reprises dos programas premiados.

A ideia é essa

Na Rede TV! há mesmo a intenção de ampliar a sua programação e transmissões esportivas. Existe todo um trabalho em cima disso.

Porém, a sua realidade é que não aponta para isso. Além do vôlei, nas tardes de sábado, o único produto do gênero existente, “Bola na Rede”, é apresentado às 2h30 das segundas-feiras.

Baixa

No Rio, a Record demitiu a diretora de programação Anna Cristina Almeida. O fato causou um misto de surpresa e revolta entre funcionários, porque era única mulher em cargo executivo.

“Confirmamos a troca de profissionais na área de programação e estamos em processo de seleção de novo profissional para o setor”, limitou-se a informar a emissora.

Redes sociais – 1

Vai acontecer no dia 15, em Nova York, a 10ª edição do “The Shorty  Awards”, cujo objetivo é homenagear as melhores ações e iniciativas em redes sociais.

E que tem como premissa a ideia de que elas possuem potencial de lançar novas estrelas, dar início a movimentos sociais e até mudar o mundo.

Redes sociais - 2

Duas ações da Globo foram reconhecidas pelo “The Shorty  Awards” e receberão o “Audience  Honors”.

A primeira, a volta da personagem Cuca, em ação do Globoplay, e a outra, o lançamento da edição 2017 do Cartola.

Esvaziado

O novo programa de Glenda Kozlowski, “As Matrioskas”, vai estrear nos sábados da Globo, a partir de 5 de maio, bastante “esvaziado”.

Isso porque decidiram mostrar os 6 episódios, antes, no GNT.

A exibição começou na última sexta-feira.

Bate – Rebate

• Vale dizer: é bom, mas muito bom mesmo, o “The Wall”, quadro do “Caldeirão do Huck”...
• ... Tem tudo que é necessário para prender atenção de todos e chamar o público a participar...
• ... E o Luciano vem à vontade no seu comando.
• Não foram poucos os elogios à postura da Globo, ao renovar contrato com a incansável Laura Cardoso, 90, por mais 4 anos...
• ... Porém, vale registro também para Reynaldo Boury, que completou recentemente 86 anos...
• ... Mais um que segue firme e forte, com o talento de sempre e experiência sobrando, na direção de novelas do SBT.
• Ratinho recebe nesta quarta-feira, no seu “Boteco”, Gusttavo Lima e Maiara e Maraisa.
• A atriz Paula Picarelli lança dia 12, pela editora Planeta, o livro “Seita: o dia em que entrei para um culto religioso”.
• Eduardo Semerjian grava como Salvador, em “As Aventuras de Poliana”, nova novela do SBT. Vai na linha do humor.
• O elenco de “Segundo Sol”, próxima das 21h na Globo, retoma hoje gravações no Rio de Janeiro...
• ... Porém, uma equipe vai permanecer trabalhando na Bahia.
• Ficou para dia 25, às 22h45, a estreia da nova temporada do “Batalha dos Confeiteiros” na Record...
• ...”Fugiu” do “Masterchef”, mas terá pela frente o Ratinho e o futebol da Globo.

* Colaborou José Carlos Nery