Coluna

Flávio Ricco

Ação antivazamento funciona com "Onde Nascem os Fortes"

Estevam Avellar/TV Globo
Alice Wegmann em gravações de "Onde Nascem os Fortes" na Serra da Capivara, no Piauí Imagem: Estevam Avellar/TV Globo
Arte/UOL
Flávio RiccoFlavio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

29/04/2018 00h05

A Globo comemora o fato de sua “defesa antiaérea” estar funcionando com “Onde Nascem os Fortes”. Nenhum vazamento ocorreu até o momento, como foi possível notar, principalmente, em cenas mais quentes protagonizadas por Alice Wegmann e Gabriel Leone.

A estratégia da emissora tem dado certo, sem sustos, e espera-se que seja assim até o final. Como houve muitas externas na região Nordeste, a emissora se desdobrou em cuidados, por causa dos problemas ocorridos em “O Outro Lado do Paraíso” durante gravações no Jalapão. 

Outra preocupação envolve o roteiro, uma vez que todos os capítulos (total de 53) já foram entregues pelos autores.

Enquanto isso, protagonista jovem de “Onde Nascem os Fortes”, Alice Wegmann não chama atenção somente da crítica e do público pelo trabalho como heroína da série, mas também dos seus companheiros de elenco. Patrícia Pillar, por exemplo, tem feito muitos elogios ao seu desempenho.

*Colaborou José Carlos Nery

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo