Topo

Coluna

Flávio Ricco

Sem o Governo no meio, digital tem o programa social que melhor funciona

iStock
TV digital avança no país Imagem: iStock
Flávio Ricco Flavio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Flavio Ricco

Colunista do UOL*

30/05/2018 00h06

Para esta quarta-feira, em outras sete capitais brasileiras – Belém, Manaus, Aracajú, João Pessoa, Natal, Maceió e Teresina, foi decidido o desligamento do analógico, o que na soma representa  3 milhões e 500 mil domicílios, com impacto em cerca de 10 milhões de pessoas. Quase um país como Portugal.

Pesquisas realizadas há bem pouco tempo apontavam que apenas 60% dos domicílios estavam habilitados para receber o digital. A intensa distribuição do conjunto, conversores e antenas, acaba por possibilitar a troca dos sistemas.

Só na Grande Belém, como exemplo, dos 744 mil domicílios aproximadamente 355 mil receberam esses kits.

Em agosto, depois da Copa do Mundo, mas antes da campanha eleitoral, será a vez de outras sete: Porto Velho, Palmas, Boa Vista, Macapá, Rio Branco, Cuiabá e Campo Grande. 

Ao final dessas duas fases, juntando-se a essas 14 capitais algumas cidades do interior de São Paulo, Juazeiro e Sobral, se chegará ao total de cerca de 2 milhões e 500 mil kits distribuídos só este ano. Em 2017, foram quase 7 milhões.

Depois de um começo com problemas, até inevitáveis, a implantação do digital está se mostrando um trabalho vencedor, a ponto de já ser considerado o programa social, sem participação do governo, que mais funciona.

Tem dessas
No “Jogo Sagrado”, do Fox Sports, segunda-feira, apresentação do Benjamin Back, o jogador Vagner Love, mesmo revelado pelo Palmeiras, disse que não vai mais vestir a camisa do clube.

Tem bronca do ex-presidente Mustafá Contursi, que não quis dar aumento a ele – ganhava R$ 7 mil/mensais antes de sair para a Rússia e também dos torcedores que tentaram agredi-lo em 2009.

Mas voltaria a jogar por Corinthians e Flamengo.

Bacana
Ainda sobre os programas esportivos da noite de segunda-feira, bom ver o reconhecimento de Galvão Bueno.

Mais uma vez afirmou que Roberto Petri, em um concurso realizado pela rádio Gazeta, foi responsável pelo seu lançamento.

Na época a equipe dirigida por Milton Peruzzi.

Curiosidade
O interessante é que, neste concurso promovido pela Gazeta, Galvão foi escolhido como comentarista.

E ainda nesta função, passou pela Record, para só se transformar em narrador na Bandeirantes, antes da Globo entrar na sua vida.

A propósito
Em se tratando de canais esportivos, o “SportsCenter”, com Paulo Soares e Antero Greco, sempre foi uma das melhores opções da ESPN Brasil, inclusive os dois como atrações do fim de noite.

Só que nem fim de noite mais é. Passou a ser madrugada. Uma pena.

Raquel Cunha/TV Globo
Larissa Bracher entra em "Malhação: Vidas Brasileiras" Imagem: Raquel Cunha/TV Globo
Balança

Larissa Bracher, após “Novo Mundo”, vai entrar em “Malhação: Vidas Brasileiras” como Eliane.

É a mãe de Ana Cruz (Clarissa Muller), influenciadora digital que sugere a Pérola (Rayssa Bratillieri) fazer um jejum forte para emagrecer e ficar ainda mais bonita. Eliane se junta a Gabriela (Camila Morgado) para tentar ajudar as meninas. No ar, a partir do dia 8.

Alok no Porchat
Na entrevista gravada para o Fábio Porchat, exibição nesta quarta, na Record, o DJ

A aeronave saiu da pista na decolagem. Alok revela que, no desespero, tirou o cinto. Queria ficar solto pra poder gritar.

Passo à frente

Cada vez mais determinada a fazer sua carreira romper fronteiras, Anitta decidiu realizar outras investidas no repertório em inglês. Tá preparada pra isso. Resta saber qual será o próximo sucesso.

Volta às aulas
Alice Wegmann tem como prioridade, após as gravações de “Onde Nascem os Fortes”, terminar a faculdade de Comunicação Social.

Oficialmente, segundo seu estafe, não chegou convite para a novela de Manuela Dias, na fila das 9, na Globo.

Divulgação
No dia de ontem, a Rede Brasil de Televisão anunciou a contratação de Hermano Henning, na foto, ao lado de Marcos Tolentino, presidente da RBT Imagem: Divulgação

Bate – Rebate
• No dia de ontem, a Rede Brasil de Televisão anunciou a contratação de Hermano Henning.
• Daiana Garbin, ex-Globo, fala sobre transtorno alimentar, nesta quarta-feira, no “Superpoderosas” da Band.
• Com o problema da gasolina, o Multishow não conseguiu plateia para gravar o programa de Pablo Vittar...
• ... Isso foi na segunda-feira. E como a artista tinha problema com datas, encheram o auditório com funcionários da Globosat.
• Tudo certo: Olivier Anquier assinou na manhã de ontem com o SBT...
• ... Vai formar dupla com a Nadja Haddad no “Bake Off Brasil”...
• ... O nome dele, sugerido por Fernando Pelégio, foi aprovado por Silvio Santos.
• Toda a questão provocada pela paralisação também acaba mexendo com o Ibope...
• ... O “SBT Brasil”, na segunda-feira, marcou 10,3 de média na Grande São Paulo. Foi o segundo em audiência na noite, perdendo apenas para o “JN”...
• ... E dados ainda preliminares já indicam crescimentos de audiência bem importantes do GloboNews e BandNews na tv fechada.

*Colaborou José Carlos Nery

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!