Topo

Coluna

Flávio Ricco


Esporte do Grupo Globo passa por intensas transformações

Narradores do Grupo Globo, Galvão Bueno e Gustavo Villani - Divulgação
Narradores do Grupo Globo, Galvão Bueno e Gustavo Villani Imagem: Divulgação
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

25/11/2019 00h06

Já de algum tempo o esporte do Grupo Globo vem apresentando algumas surpresas na escalação das suas equipes.

Por exemplo: Gustavo Villani, cada vez mais acionado em jogos importantes do campeonato brasileiro, no SporTV e Premiere, ou mesmo em amistosos da seleção brasileira, dá toda a impressão que foi colocado na condição de narrador número um.

Talvez não ainda de direito, mas de fato.

Ou aquele que, em se tratando da TV Globo, também é o primeiro a ser chamado. Fez, recentemente, a final do mundial sub 17.

Os até então titulares, Milton Leite e Luiz Carlos Jr., têm se revezado no chamado "segundo jogo". Ora um, ora outro.

Assim como se percebe que entre os comentaristas acontece a mesma coisa.

Bob Faria, Ana Thaís Matos e Maurício Saraiva são sempre mais lembrados para programas ou transmissões, enquanto que os também muito bons, Maurício Noriega e Lédio Carmona, cada dia menos.

Só o tempo para dizer como tudo ficará.

Mas a tendência, pelo que acontece, é diminuir o espaço dos mais rodados.

Renovação

A Rede TV! trabalha para seguir com as transmissões da Sul-Americana e campeonato italiano na próxima temporada.

Está quase tudo fechado.

Problema

Em se tratando das transmissões esportivas da Rede TV!, o estranho é o tratamento destinado a elas.

Parece só mais um entre os tantos concessionários, ou compradores de espaço, da sua programação. Não existe nenhum trabalho mais cuidadoso em torno.

Adriana Esteves, Thelma, em "Amor de Mãe" - João Cotta/TV Globo
Adriana Esteves, Thelma, em "Amor de Mãe"
Imagem: João Cotta/TV Globo

Primeiro capítulo

"Amor de Mãe", primeira novela de Manuela Dias na faixa das 21h, é a estreia da Globo nesta segunda-feira. No detalhe, uma das protagonistas, Thelma, vivida por Adriana Esteves, no Bairro do Passeio, onde mora e tem seu restaurante.

Cena em cidade cenográfica com o viaduto construído especialmente para a novela.

Último da série

No próximo sábado a Globo encerra a série especial "50 Anos" do "Jornal Nacional" relativa aos apresentadores de telejornais de outras capitais do país.

Lídia Pace (Rio Grande do Norte) e um outro profissional, que será anunciado no decorrer desses próximos dias, fecharão o revezamento.

Vácuo

A BandNews ainda não repôs completamente as peças importantes perdidas para a CNN Brasil.

Por exemplo, um alguém para o espaço deixado pela apresentadora Roberta Russo.

Evento

A Record realiza nesta terça-feira, a partir das 19h, na sua sede de São Paulo, a oitava edição do "Ressoar Solidário", com apresentação de Sabrina Sato e Rodrigo Faro.

O evento tem como finalidade apoiar projetos sociais do Instituto Ressoar, como o Projeto Nova Canaã, que beneficia mais de 600 crianças e suas famílias em Irecê, na Bahia.

Agora é ordem

No SBT, desde muito tempo, alguns sempre se acostumaram a usar o nome de Silvio Santos, para tirar proveito ou se safar de algumas situações. O acesso restrito ao dono acabava facilitando.

Agora, com o novo código de comportamento que o Grupo Silvio Santos adotou, isto passou a ser considerado falta grave. Só quero ver.

O talentoso Antonio Calloni - Raquel Cunha / TV Globo
O talentoso Antonio Calloni
Imagem: Raquel Cunha / TV Globo

Início do fim

A partir da próxima sexta-feira, "Éramos Seis" começa a se despedir de Júlio, personagem de Antonio Calloni.

Já muito debilitado, ele precisará de doação de sangue e só Alfredo (Nicolas Prattes) tem o mesmo tipo sanguíneo que o pai. O menino fica feliz em finalmente poder demonstrar seu afeto, doa o sangue, mas Júlio não resiste e morre, em cenas que vão ao ar no dia 2 de dezembro.

Streaming

Gabriel Leone, que não renovou com a Globo, e Mayana Neiva, em cartaz na novela "Éramos Seis", são nomes que poderão aparecer em projetos do streaming.

Ambos, assim como outros, estão cotados para próximos trabalhos da Netflix.

Bate - Rebate

* A repórter Eleonora Paschoal, experiente e com história em muitas coberturas, mais uma vez foi precisa no acompanhamento do triste caso de Gugu Liberato...
* ... Alguém que, sempre que acionada, sabe dignificar a prática do bom jornalismo...
* ... Orgulho de você...
* ... Ao contrário de outros que, mesmo em ocasiões tão lamentáveis como esta, tentam tirar proveito pessoal da situação. Vergonha.
* Sobre a Eleonora, já há alguns anos morando nos Estados Unidos, o filho dela, Adriano Santiago, é o seu cinegrafista...
* ... No primeiro dia da cobertura, falando com Datena no "Brasil Urgente", ela se emocionou...
* ... Na sua entrada, veio à cabeça que, pelo bem da educação dos filhos, ela largou tudo no Brasil e foi morar nos Estados Unidos ...
* ... Naquela hora, lembrou que, também em relação aos filhos, Gugu deve ter feito o mesmo.
* A Record deu início às gravações de "Gênesis", a próxima novela bíblica, no Sul do país e logo depois a produção seguirá para o Marrocos...
* ... Enquanto isso, Paula Richard, autora, trabalha no roteiro da substituta, "Atos dos Apóstolos", já com capítulos bem adiantados.
* Jornalismo esportivo também de luto com a morte de Kitty Balieiro, aos 62 anos, vítima de infarto. Kitty trabalhou na Globo, SBT, Cultura e muitos anos na ESPN Brasil.

*Colaborou José Carlos Nery

Flávio Ricco