PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Flávio Ricco


Organização das novelas da Globo passa longe da Record e SBT

Day Mesquita vive a prostituta Angélica Poderosa em "Amor Sem Igual" - Blad Meneghel/ Record TV
Day Mesquita vive a prostituta Angélica Poderosa em "Amor Sem Igual" Imagem: Blad Meneghel/ Record TV
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

02/01/2020 00h05

Resumo da notícia

  • Record ainda não decidiu o que virá depois de "Amor Sem Igual"
  • E também não definiu a substituta de "Gênesis"
  • SBT desistiu de "Patinho Feio"

Diferentemente da Globo, que estabelece filas, com novelas e autores definidos para os diversos horários, a Record ainda não trabalha com qualquer planejamento na sua dramaturgia.

Por exemplo: não há até agora nenhuma decisão sobre a substituta de "Amor Sem Igual", já em exibição. Nem mesmo a definição de um autor.

Entre as religiosas, com direito a troca de autores e seguidos adiamentos, "Gênesis" foi definida como a próxima bíblica.

Produção em curso.

Mas também no caso dela, não há nada resolvido sobre quem entrará no seu lugar.

E o mesmo se aplica ao SBT, como caso mais grave. "As Aventuras de Poliana", espichada, terá ainda um ano e tanto de exibições, quando só aí se começará a pensar numa próxima.

A certeza é que "Patinho Feio" não será mais. Desistiram dela.

*Colaborou José Carlos Nery

Flávio Ricco