PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Flávio Ricco


Globo garante que ainda tem nos filmes um grande negócio

Cena do filme "De Volta à Lagoa Azul", sempre presente na programação da TV - Reprodução
Cena do filme "De Volta à Lagoa Azul", sempre presente na programação da TV Imagem: Reprodução
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

06/02/2020 00h06

A TV Globo, através da sua Comunicação e diferentemente do que pensa a coluna, assegura que o investimento em filmes continua como uma das prioridades da programação.

E com a audiência crescendo ao longo dos anos.

Também informa que, há mais de uma década, mantém as mesmas oito sessões de cinema, exibindo cerca de 900 filmes por temporada, por meio de contratos com todos os estúdios americanos, bem como os maiores do mercado independente.

Em 2019, segundo a nota, foram levadas ao ar 114 produções brasileiras e que, ainda no ano passado, 198 milhões de pessoas assistiram a um dos seus filmes, enquanto 98 milhões pelo menos um por semana.

Tudo muito bom, tudo muito bem, mas aqui, quando se fala em filmes na televisão, a referência não é feita só ou diretamente à TV Globo. Mas também ao SBT, Record, Rede TV!, Band etc., que há tempos se desinteressaram em manter contratos milionários com as grandes distribuidoras. E isto, claro, sem deixar de considerar que a TV paga, hoje tem a maioria dos seus canais em situação das mais delicadas.

Por acaso

Na noite de terça, a Record, uma das redes mais poderosas, às 22h30, na sessão chamada "Cine Record Especial" exibiu "Velozes e Furiosos".

Existe outro mais gasto e esmerilhado? Ficou atrás de Globo e SBT, disputando com o Ratinho em reprise.

Vale destacar

O SBT, por exemplo, às terças-feiras alcança resultados muito bons com o "Cine Espetacular".

Mas há o cuidado de respeitar uma janela mínima de seis meses entre uma exibição e outra. O que nem sempre acontece em outras emissoras.

Poderosa

A Band - talvez no mundo, mas no Brasil com certeza - é a que reúne o maior número de emissoras de TV por metro quadrado.

Da sua sede, no Morumbi, em São Paulo, partem os sinais da Band rede, TV Bandeirantes SP, Terra Viva, BandNews, BandSports, Arte 1, Smithsonian e Sex Privé. O SBT, que é o SBT, só tem uma. Tudo isso, fora as rádios, que também não são poucas.

Julia Duailibi da GloboNews - Divulgação
Julia Duailibi da GloboNews
Imagem: Divulgação

Postura

Julia Duailibi é sempre o exemplo perfeito de alguém com elegância e postura correta, à frente das câmeras. Dá gosto de ver.

Cuidados que nem mesmo na própria GloboNews são obedecidos o tempo todo e por outras apresentadoras.

Vale a pena

Se ter canal no YouTube já era, o podcast também passou a ser uma alternativa para a realização de trabalhos dos mais interessantes.

Por exemplo: a entrevista de Ivan Moré com Mauro Naves, à disposição. Vale ouvir.

Brunna Colossi - reprodução
Brunna Colossi
Imagem: reprodução

Repórter deixa RBS

Depois de 9 anos de casa, a repórter Brunna Colossi deixou a RBS, afiliada da Globo no Rio Grande do Sul. As primeiras informações davam como certa sua transferência para a Record, porém tudo indica que ela deverá tomar um caminho diferente.

Na despedida, Brunna deixou uma mensagem de agradecimento:

"...Me tornei a jornalista que sonhava, e muito mais do que trabalho, crescimento e reconhecimento, a RBS me deu amigos para a vida toda: afilhados, padrinhos e o meu amor. Mas o coração da gente sente quando é a hora".

Aniversário

No dia de ontem, quarta, o canal Fox Sports completou oito anos de existência. Está no ar desde 5 de fevereiro de 2012.

E ainda com o seu futuro indefinido. Nada se pode assegurar sobre ele. Conviver com essa insegurança, para os seus funcionários, deve ser um desespero.

Também ontem

Estava marcada para esta quarta-feira, reunião do Cade, onde o assunto Fox Sports seria novamente colocado em pauta.

Mas não foi. Será que surgiu alguma novidade? Novidade boa? É o que se espera.

Rumores

Por outro lado, ontem, surgiram informações sobre um suposto interesse do Grupo Viacom na compra do Fox Sports.

Consultada, a assessoria da empresa enviou a seguinte resposta:"Aqui no Brasil não temos nenhuma confirmação ou notícia sobre a compra do canal Fox Sports pela ViacomCBS".

Nova temporada

Patricia Abravanel grava, a partir de março, a nova temporada do "Topa ou Não Topa", o formato das maletas, sucesso da Endemol Shine.

O programa tem ocupado o segundo lugar nas noites de sábado.

Vitória Strada, Kyra em "Salve-se Quem Puder" - Reprodução / Internet
Vitória Strada, Kyra em "Salve-se Quem Puder"
Imagem: Reprodução / Internet

Aceitação

Globo observou uma boa resposta do público infantil na audiência de "Salve-se quem Puder".

E isso certamente terá reflexos no espaço de alguns personagens, como Kyra, vivida por Vitória Strada, um tanto atrapalhada, e das crianças Alice Palmar e Ygor Marçal - Queen e Mosquito, respectivamente.

Bate - Rebate

* Robson Santos, ex-Band, será o diretor do programa "CNN 360º", do Reinaldo Gottino na CNN Brasil...

* ... Aliás, a CNN Brasil trabalha na contratação de outros profissionais.

* Ontem, no UOL, foi colocada uma foto do Roberto Carlos ao lado de um Chrysler Imperial 1965...

* ... Carro, principalmente os modelos mais antigos, sempre foi uma das suas manias...

* ... Por exemplo, quando está em São Paulo, ele só circula com um Ford Escort 1986, preto...

* ... Que ele tem desde zero quilômetro.

* Novo contrato da Rede TV! com a DAZN para a Sul-Americana começa a valer a partir da próxima terça-feira, 11...

* ... Deportivo Cali e River Plate jogam na Colômbia...

* ... Transmissão da partida de volta no dia 25.

* O "Jornal da Band" exibe, hoje e amanhã, uma reportagem especial de Rodrigo Hidalgo, "Quadrilhas no campo", sobre o crescimento de roubo de defensivos agrícolas no país.

*Colaborou José Carlos Nery

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Flávio Ricco