Topo

Coluna

Leo Dias


Ludmilla se atrasa e vai de mototáxi ao "Mais Você", da Globo

Leo Dias

Leo Dias é jornalista e apresentador do programa "Fofocalizando", do SBT. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

02/10/2019 13h44

Atração do 'Mais Você' desta terça-feira (02), a cantora Ludmilla perdeu a hora e para não chegar atrasada ao programa de Ana Maria Braga teve que fazer uso do serviço de um mototáxi. Dessa forma, ela acabou tendo que enfrentar o seu maior medo na vida: o risco de cair de moto e se ralar, temor revelado em entrevista à apresentadora Marilia Gabriela, em 2013, no 'De Frente com Gabi', e que acabou virando meme na Internet.

A cantora registrou o momento nos Stories de seu perfil no Instagram. Ela fez um trajeto de mais de 30 Km na garupa do mototaxista, desde sua casa, na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio de Janeiro, até os Estúdios Globo, em Jacarepaguá, Zona Oeste da cidade.

A tática acabou dando certo e Ludmilla chegou a tempo de participar do programa, sem atrasos. O único inconveniente foi ter chegado com o figurino um pouco amarrotado e o cabelo despenteado por causa do deslocamento. "Mototáxi é vida! Consegui chegar. Tô toda amassada, toda descabelada, mas consegui chegar", disse ela, que revelou ainda uma coincidência: o motociclista que a levou até a Globo já havia transportado a artista em outra ocasião em que ela também estava atrasada, demonstrando que o fato não é incomum na vida de Ludmilla.

Para a Coluna do Leo Dias, Ludmilla disse: "Eu fui rezando e conversando com o piloto pra não pensar tanto que eu tava na moto, e tava tudo parado e tinha que ficar passando nos corredores. Eu pedia pra ele apertar bastante a buzina (risos) para nenhum carro querer trocar de pista e bater na gente e a gente se ralar".

* Com colaboração de Geizon Paulo

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL