Topo

Coluna

Mauricio Stycer


Maldade de Josiane encontra uma segunda explicação: está no sangue

Amadeu (Marcos Palmeira) e Maria da Paz (Juliana Paes), pais de Josiane, em A Dona do Pedaço  - Globo/Reprodução
Amadeu (Marcos Palmeira) e Maria da Paz (Juliana Paes), pais de Josiane, em A Dona do Pedaço Imagem: Globo/Reprodução
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

07/11/2019 16h09

Resumo da notícia

  • "A Dona do Pedaço" nunca conseguiu justificar por que Josiane (Agatha Moreira) é tão má
  • A personagem tinha dois traumas: reclamava do seu nome e do fato de ser "filha de boleira", Maria da Paz (Juliana Paes)
  • Após uma centena de capítulos, Linda (Rosamaria Murtinho) deu uma explicação: psicopatia
  • Esta semana, Amadeu (Marcos Palmeira), pai de Josiane, arriscou outra explicação: genética

Um dos maiores mistérios de "A Dona do Pedaço" é a compulsão de Josiane (Agatha Moreira) à maldade e ao crime. A personagem apareceu na novela como uma patricinha deslumbrada, mas carregando dois traumas: o ódio ao nome com que foi batizada e as lembranças do bullying sofrido na escola por ser "filha da boleira", a bem-sucedida Maria da Paz (Juliana Paes).

De uma hora para outra, Josiane se tornou uma vilã terrível. Primeiro, destruiu a mãe. Fez Regis (Reynaldo Gianecchini), seu namorado, seduzir Maria da Paz, roubou o dinheiro e o próspero negócio dela, acabando com tudo que ela conquistara.

Tão burra quanto ambiciosa, a vilã mais sem graça da história das telenovelas foi chantageada por diversos personagens, só se associou com gente ruim e cometeu dois assassinatos, além da tentativa fracassada de matar Teo (Rainer Cadete), o seu namorado oficial.

Há cerca de dois meses, Walcyr Carrasco colocou na boca de Linda (Rosamaria Murtinho), a desocupada mãe de Beatriz (Natalia do Vale), uma primeira explicação para a maldade da patricinha: psicopatia.

"Eu não me atrevo a fazer um diagnóstico direto assim, mas tudo leva a crer que ela é uma psicopata, Maria da Paz", disse Linda. "Psicopata? Você tá querendo dizer que a minha filha é doente? Tem uma doença?", respondeu a mãe. "Tudo indica que ela não tem sentimentos, ela não tem empatia pela dor dos outros".

Nesta quarta-feira (06), finalmente presa, Josiane foi objeto de um novo diagnóstico, desta vez feito por seu pai, o advogado Amadeu (Marcos Palmeira): a genética da família.

"Maria, eu e você viemos de famílias de justiceiros. A Josiane é fruto disso. Uma vez alguém falou que a gente carrega a herança dos nossos antepassados no sangue. Então, eu não posso apontar o dedo pra Josiane. Então, eu vou ter que apontar o dedo pro meu pai, pro meu irmão, pra minha irmã, pra minha mãe, pros meus avós. Josiane é igual a eles", disse o advogado.

"O que você vai fazer, então?", quis saber Maria da Paz. "Não posso condenar Josiane. Senão, vou estar condenando a minha família. E a sua também. Eu vou fazer como se eu estivesse em Rio Vermelho e tivesse que livrar o meu pai", respondeu Amadeu.

Então, fica assim: Josiane é má e diabólica porque seus parentes, com os quais ela nunca se relacionou, eram matadores de aluguel. Maria da Paz e Amadeu, que conviveram com eles, não se tornaram más pessoas. O vírus da maldade foi transmitido de avós para a neta.

* * *
Ouça o podcast UOL Vê TV, a mesa-redonda sobre televisão com os colunistas Chico Barney, Flávio Ricco e Mauricio Stycer. Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Siga a coluna no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mauricio Stycer