PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Mauricio Stycer


Absolvido de acusação de assédio, Melhem se afasta da Globo por 4 meses

Marcius Melhem, coordenador dos programas de humor da Globo - Reprodução
Marcius Melhem, coordenador dos programas de humor da Globo Imagem: Reprodução
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

06/03/2020 19h52

O comitê de ética e compliance do Grupo Globo absolveu Marcius Melhem de acusações de assédio e plágio motivadas por denúncias da atriz Dani Calabresa. O processo, iniciado em janeiro, levou dezenas de funcionários e ex-funcionários a testemunharem sobre o caso.

O resultado da investigação foi informado aos envolvidos no início desta semana. Na sequência, Melhem pediu uma licença de quatro meses para cuidar de um problema de saúde de sua filha de 10 anos. Em abril, ele viaja com a família para os Estados Unidos, onde deve permanecer dois meses.

O desentendimento entre Calabresa e Melhem, que é responsável pelos programas de humor da Globo, ocorreu no processo de criação do "Fora de Hora", no primeiro semestre de 2019. A atriz queria que a emissora reeditasse o programa "Furo", que ela apresentou em parceria com Bento Ribeiro na MTV, entre 2009 e 2012.

A opção de reviver o "Furo" na Globo não chegou a ser considerada, mas Calabresa foi escalada para ser a apresentadora, ao lado de Paulo Vieira, do "Fora de Hora". A atriz acabou deixando o projeto.

A acusação de Calabresa contra Melhem foi noticiada originalmente pelo jornalista Leo Dias em 26 de dezembro de 2019. No mesmo texto, ele informava que as atrizes Renata Castro Barbosa e Maria Clara Gueiros também haviam denunciado Melhem. As duas negaram o fato no mesmo dia. Leo Dias também informou que Marcelo Adnet testemunhou a favor das atrizes, o que ele negou um dia depois.

Durante a licença de Melhem, como noticiou o jornalista Daniel Castro, Silvio de Abreu acumulará as suas funções como responsável por toda a teledramaturgia da Globo com os programas de humor. Melhem disse a colegas do "Fora de Hora" que não pretende reassumir o cargo executivo ao retornar.

A íntegra da nota da Globo:

Por motivos pessoais, Marcius Melhem deixou a liderança dos projetos de Humor. Com isso, a área de Criação e Produção de Conteúdos da Globo, sob a direção de Carlos Henrique Schroder, vai redesenhar a sua estrutura de Dramaturgia. Os projetos de Humor, assim como os de Dramaturgia Diária e Semanal (novelas e séries), ficarão agora sob a responsabilidade direta de Silvio de Abreu.

Com Silvio, compõem o time de Gênero dos Estúdios Globo os diretores de Variedades Mariano Boni (programas de entrevistas e talk shows) e Boninho (programas de auditório, realities, games e musicais).

Marcius solicitou ainda licença das funções de roteirista e ator por um período de quatro meses.

Melhem também divulgou uma nota via assessoria de imprensa:

É com total indignação que Marcius Melhem recebe os questionamentos sobre as razões que o teriam levado a pedir uma licença de quatro meses à TV Globo. A decisão de se afastar de suas atividades na emissora foi do próprio Melhem e não tem relação alguma com as maldades veiculadas.

Melhem sempre manteve uma postura reservada da sua vida pessoal, sobretudo o que diz respeito às suas filhas, as quais nunca expôs em nenhuma ocasião. Porém, diante do que vem sendo noticiado, esclarece que o motivo do seu afastamento se deve a um problema de saúde que uma de suas filhas está atravessando, necessitando de uma cirurgia, que será realizada nos Estados Unidos, onde a família deverá permanecer, parte desse período, até a pronta recuperação da menina.

Mauricio Stycer