PUBLICIDADE
Topo

Quatro alegrias que o "BBB 20" proporcionou em uma semana

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

21/03/2020 16h00

Quem diria que nestes dias tão difíceis caberia ao "BBB 20" proporcionar uma alegria ao povo brasileiro. Hum... talvez seja exagero falar em "povo brasileiro". Quem diria que caberia ao "BBB" proporcionar uma alegria para mim. E foram quatro alegrias nesta semana (veja o vídeo acima).

Primeiro, a vitória de Babu sobre Pyong na terça-feira (17). Não torço por ninguém no "BBB". Nunca. Pode acreditar. Mas a vitória do ator sobre o mágico ajudou a mexer com o jogo. Se tivesse ocorrido o contrário, o "BBB" seguiria numa narrativa já conhecida.

Segundo, a piada e a dancinha sensacional que Tiago Leifert fez, na quinta-feira (19), rindo dos amigos de Pyong que passaram dois dias acreditando que ele voltaria de um paredão falso. Leifert? Nunca critiquei.

Terceira alegria, a ida de Daniel para o bate-volta após ser o primeiro eliminado na prova do líder, na noite de quinta. O rapaz agora tem 66% de chance de ir para o paredão, na disputa com outros dois participantes, e espero que vá. Vai ser bom saber se o grande público odeia Daniel com a mesma intensidade que a turma do Twitter.

E, por fim, estou feliz pela vitória de Thelma após de mais de 25 horas de disputa na prova do líder. É a sua primeira vez nesta função, o que vai obrigá-la a tomar algumas atitudes, em especial indicar alguém para o paredão. Será ótimo ver Thelma tendo a chance de jogar ativamente.

O lado B do BBB

Mauricio Stycer