PUBLICIDADE
Topo

BBB 20 inaugurou uma nova era ao trocar tipos reais por pessoas jurídicas

Rafa, Thelma e Manu, as três finalistas do BBB 20 - Reprodução/TV Globo
Rafa, Thelma e Manu, as três finalistas do BBB 20 Imagem: Reprodução/TV Globo
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

28/04/2020 00h23

Sensacional e inesperada a vitória de Thelma no "BBB 20". Sensacional e inesperada porque, olhando o programa em retrospectiva, os participantes convidados reuniam muito mais força que os anônimos. A médica mostrou força em alguns paredões difíceis, mas pouca gente acreditava que poderia vencer Manu e Rafa, que chegaram ao reality muito mais preparadas.

Em todo caso, a vigésima edição elevou a um novo patamar a profissionalização dos participantes do "BBB".

Coube à cantora Anitta, e não a qualquer crítico de televisão, a melhor avaliação sobre o "BBB 20". Do alto de sua experiência como gerente muito bem-sucedida da própria carreira, ela observou que esta edição foi decidida fora da casa, muito antes de começar.

Saíram na frente os participantes que contrataram previamente profissionais para treiná-los e também tiveram recursos para planejar e executar com antecedência e profissionalismo eficientes estratégias de marketing.

Torcendo por Babu Santana e Thelma Assis, Anitta se surpreendeu ao saber que os responsáveis pelas contas dos dois nas redes sociais não se articularam para enfrentar o último paredão, que também contou com a presença de Rafa Kalimann.

"Gente... acabei de saber aqui das brigas dos administradores deles", escreveu. "Poxa, que triste. Acho que eles não deviam se prejudicar por conta de atitudes que não foram deles. Os dois se protegem tanto na casa. Acho que vão ficar arrasados quando saírem e verem isso".

Na sequência a cantora deixou claro como via a luta de Babu e Thelma contra Rafa e Manu Gavassi: "Sabe por quê... os dois já estão em desvantagem pois não tiveram todo esse preparo e planejamento anterior aqui fora pra jogarem de fora enquanto estão dentro, sabe?", escreveu.

"Eles entraram sem esse know how e grande staff pra fazer um jogo online intenso aqui fora também enquanto estão lá. Sei que eles são os que precisam mais do prêmio, mas nem é por isso. Eles são merecedores. Entraram sem o pré-treinamento, sem o conhecimento de deixar estratégias já prontas (e geniais, diga-se de passagem) para fortificarem o jogo de dentro". concluiu.

A descrição de Anitta é muito boa. A presença de convidados com forte presença nas redes sociais colocou o "BBB" em outro patamar de engajamento. Deixou de ser tarefa para amigos cuidar do Instagram ou do Twitter.

Vários exemplos mostram como a cantora enxergou este fenômeno com clareza. No paredão que eliminou Gizelly, por exemplo, a torcida de Rafa votou em Babu, seguindo orientação dos administradores da carreira da influencer, mas contrariando a postura dela no jogo.

Até Tiago Leifert se surpreendeu com a jogada e, antes de anunciar o resultado, perguntou ao ator: "Qual torcida você acha que está ao seu lado, além da sua?" E ele, raciocinando logicamente, apontou as torcidas de Rafa e Thelma.

De onde surgiram as fake news que tiveram Babu como alvo? Lembrou até a campanha eleitoral de 2018. Uma das mais pesadas, com forte circulação em grupos de Whatsapp, mostrou o ator em cena de "Cidade dos Homens", armado, como se fosse na vida real. No dia da última prova do líder, Babu foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter por conta de outra mentira, que teria recebido da produção, previamente, o gabarito do teste.

Manu Gavassi deixou dezenas de vídeos pré-gravados, falando de situações do programa (liderança, paredão) e até prevendo que o seu desinteresse por futebol fosse emergir durante o reality. Ela também lançou música e colocou à venda ingressos para uma turnê de shows enquanto esteve confinada.

Bianca Andrade usou nas festas do BBB as mesmas roupas que deixou em fotos posadas, que eram publicadas no seu Instagram. "Deixei bem claro que estava indo a trabalho", disse ela, após ser eliminada.

Rafa citou durante o programa ensinamentos recebidos por um "coach". No início de abril, ela se referiu a ele e disse: "Ele deve estar pensando 'nossa Rafa, te ensinei certinho como faz para melhorar'."

Acabou a inocência, o voluntarismo, a boa vontade. Bianca Andrade, Pyong Lee, Mari Gonzalez, Rafa Kalimann e Manu Gavassi, em diferentes proporções, entraram no "BBB 20" como pessoas jurídicas. Estabeleceram uma nova era para o programa.

O lado B do BBB

Mauricio Stycer