PUBLICIDADE
Topo

Pensando em Paulo Cintura, Bruno Mazzeo faz piada sobre Chico Anysio

Paulo Cintura esteve ao lado do presidente Jair Bolsonaro na manifestação de domingo (03) em Brasília - Reprodução/Twitter
Paulo Cintura esteve ao lado do presidente Jair Bolsonaro na manifestação de domingo (03) em Brasília Imagem: Reprodução/Twitter
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

05/05/2020 10h52Atualizada em 09/05/2020 09h25

A participação de Paulo Cintura ao lado do presidente Jair Bolsonaro na manifestação realizada domingo (03) em Brasília em defesa do fechamento do Congresso e do STF mexeu com o humor de Bruno Mazzeo.

Em vídeo que postou no Instagram, o humorista brincou com seu pai, Chico Anysio (1931-2012), que deu espaço e fama a Paulo Cintura na "Escolinha do Professor Raimundo".

"Meu pai fez muita coisa importante, muita coisa boa pra cultura, pra arte, pro entretenimento brasileiro... Coisas que marcaram, coisas realmente importantes pra nossa cultura... Mas, em compensação, ele também lançou o Paulo Cintura", disse Mazzeo.

Na manifestação de domingo, empolgado, Cintura desceu a rampa do Planalto gritando "Bolsonaro é o que interessa". Para quem não se lembra, o seu bordão na "Escolinha" era: "Saúde é o que interessa". Contrariando as recomendações médicas, nem o presidente nem o ator estavam usando máscaras.

Em "Sinta-se em Casa", seu quadro no Globoplay, exibido no "Encontro com Fátima Bernardes", Marcelo Adnet também fez referência à participação de Cintura ao lado de Bolsonaro na manifestação. Imitando o presidente, o humorista disse: "Bolsonaro é o que interessa; saúde não tem pressa".

Em contato com a coluna, Paulo Cintura respondeu a Mazzeo: "O seu papai não me lançou. Eu já estava pronto. Eu me lancei pela minha própria luz. Seu papai me convidou para enriquecer um elenco grandioso", disse. "É verdade. Seu pai fez muitas coisas boas, mas ele errou em alguns filhos. Você conseguiu um pequeno espaço ao sol nas costas, na esteira, do seu papai. Você sabe disso", acrescentou.

sempre tem um porém.

Uma publicação compartilhada por Bruno Mazzeo (@eumazzeo) em

Mauricio Stycer