PUBLICIDADE
Topo

CNN e Record exibem mesma denúncia "exclusiva" sobre deputada da oposição

Deputada Joice Hasselmann (PSL-SP)  -  José Cruz / Agência Brasil
Deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) Imagem: José Cruz / Agência Brasil
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

05/06/2020 23h32

Ex-aliada, hoje na oposição ao presidente Jair Bolsonaro, a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) foi objeto de uma mesma denúncia em duas emissoras nesta sexta-feira (05).

Tanto a CNN Brasil, que exibiu sua reportagem no início da tarde, quanto a Record, que apresentou a sua à noite, trataram o caso como "exclusivo".

Na verdade, tudo indica, uma mesma fonte passou o material para ambos os canais. Apesar de ter tido tempo suficiente para evitar o erro que cometeu, a Record chamou o seu material de "exclusivo" também.

Segundo a denúncia, a deputada, que é integrante da CPMI das fake news, obrigaria assessores a criar perfis falsos para atacar adversários e defendê-la.

Em suas redes sociais, Hasselmann classificou a denúncia como "forjada" e sugeriu que o governo estaria por trás da divulgação do material.

Após a exibição da reportagem na CNN, a apresentadora Monalisa Perrone disse: "Joice afirma que os prints divulgados pela CNN são montagens de funcionários de seu gabinete. A deputada disse que vai processá-los, assim como vai processar a CNN também".

Mauricio Stycer