Topo

Televisão

Calabresa, Carioca e mais humoristas do "Pânico" que viraram globais

Reprodução
Eduardo Sterblitch, Wellington Muniz e Gui Santana Imagem: Reprodução

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

25/11/2018 04h00

Eles eram o terror dos globais nas portas dos eventos. Sem filtro, os humoristas do "Pânico" trollavam vários famosos com suas piadas e brincadeiras muitas vezes consideradas de mau gosto.

Como o mundo dá voltas, eles passaram de inimigos a coleguinhas de emissora de vários artistas e circulam livremente pelos Estúdios Globo no Rio de Janeiro.

  • Reprodução/TV Globo

    Eduardo Sterblitch

    O humorista trabalhou no "Pânico", na Rede TV! e na Band, de 2008 a 2015, e fez sucesso com os personagens Freddy Mercury Prateado e Malisa, a menina Monstro. Em 2017, estreou na Globo no "Amor e Sexo" e, recentemente, causou ao aparecer nu no programa comandando por Fernanda Lima. Sem roupa, ele posou para retratos e cantou "Pelados em Santos", sucesso do Mamonas Assassinas

  • Globo/João Cotta

    Gui Santana

    Ele participou do "Pânico na Band" de 2012 a 2017. No humorístico, interpretou personagens inspirados em Zacarias, William Bonner e Otávio Mesquita. Em 2017, estreou no remake de "Os Trapalhões", na Globo, onde interpretou Zaca, o sobrinho de Zacarias. Neste ano, Gui virou Nerso da Capitinga no remake da "Escolinha do Professor Raimundo", exibido no Viva e na Globo

  • Reprodução/TV Globo

    Dani Calabresa

    Você pode até não lembrar, mas antes da MTV e do "CQC", da Band, a humorista foi repórter do "Pânico na TV", entre 2007 e 2008. Há três anos Dani está na Globo, onde atua no "Zorra", na "Escolinha do Professor Raimundo" e, atualmente, está no elenco da "Dança dos Famosos", do "Domingão do Faustão"

  • Reprodução/Globo

    Mauricio Meirelles

    Ex-"CQC", o humorista teve uma breve passagem como repórter do "Pânico na Band", de 2016 a 2017. Atualmente, Meirelles é repórter do "Vídeo Show" e costuma fazer perguntas engraçadinhas aos entrevistados, além de fazer chamadas polêmicas, inspiradas em programas de fofoca como o "TV Fama"

  • Reprodução/Globo

    Márvio Lúcio

    O Carioca ficou no "Pânico", entre 2003 e 2017. Fez personagens que satirizavam globais, Zeca Tamagro, Jô Suado, Falso Silva e Edson Celular foram alguns. Atualmente, Márvio comanda o quadro "Vídeo Fake", exibido no "Vídeo Show"

  • Reprodução/Multishow

    Wellington Muniz

    Ceará ficou no "Pânico" de 2003 até 2014. No programa, fez imitações de Silvio Santos, Galvão Bueno e Aguinaldo Silva, que processou o humorístico por danos morais e ganhou na Justiça. Em 2015, foi contratado pelo canal Multishow, onde fez "Treme Treme", "Ceará Fora da Casinha" e "Xilindró". No mesmo ano, Ceará participou do programa "Tomara que Caia", na Globo. No Multishow, levou alguns personagens de sucesso do "Pânico", como Silvio e Gabi Herpes