TV e Famosos

"Cavalo de Fogo" completa 30 anos; veja curiosidades sobre o desenho

Gisele Alquas

Do UOL, em São Paulo

22/10/2016 07h00

“Foi quando correndo eu vi um cavalo de fogo ali, que tocou meu coração, quando me disse, então, que um dia rainha eu seria...” Quem tem mais de 25 anos provavelmente sente uma certa nostalgia cada vez que ouve o tema do desenho animado “Cavalo de Fogo”, que completou 30 anos desde a exibição do primeiro episódio, em setembro de 1986, nos Estados Unidos, pela rede CBS. No Brasil, o desenho foi exibido pelo SBT nos programas "Oradukapeta" e 'Show Maravilha".

Divulgação
No Brasil, "Cavalo de Fogo" foi exibido pelo SBT Imagem: Divulgação
A produção dos estúdios Hanna-Barbera trazia um típico conto de fadas: a princesa Sara, do planeta Dar-Shan, foi salva pelo Cavalo de Fogo quando ainda era bebê das mãos da bruxa Lady Diabolyn. De lá, o animal a levou para um rancho em outra dimensão e a deixou na porta de um fazendeiro, o Sr. John Cavanaugh.

Quando completa 13 anos, Sara percebe que seu medalhão começa a brilhar. Então Cavalo de Fogo aparece e conta à menina que ela é uma princesa filha do príncipe Kevin e da Rainha Sarana, e que precisa voltar ao planeta Dar-Shan para salvar o lugar das garras da bruxa Diabolyn e seus Escpectros, os espíritos malignos. Para ajudar na missão, Sara conta com criaturas mágicas e os amigos Dorin, Brutos e Alvinar.

O desenho conquistou uma legião de fãs e a miniatura do cavalo de fogo chegou a ser um dos brinquedos mais vendidos na época. 

Gostava de "Cavalo de Fogo"? Então veja essas curiosidades que o UOL listou sobre o desenho.

  • Imagem: Reprodução/Youtube
    Reprodução/Youtube
    Imagem: Reprodução/Youtube

    Só teve 13 episódios

    Fomos enganados! "Cavalo de Fogo", "Wildfire" em inglês, foi exibido por muito anos no SBT, mas o desenho só teve 13 episódios. O primeiro, chamado "A Única Futura Rainha", mostrava Diabolyn usando o vestido de ouro feito por casulos dos bebês roubados. À medida em que os desenhos iam sendo exibidos, alguns personagens marcantes eram apresentados, como Aragon, o ladrão das estradas; os Sinti, responsáveis por toda a mágica de Dar-Shan, os duendes pintores; e o Troll, que desafiava as pessoas a adivinharem seu nome e onde ficava sua casa. Aqueles que acompanharam fielmente o desenho, se lembram dessas palavras dele: "Me procure em terras onde meu nome está e meu nome em terras onde eu não estou". O nome era o difícil: Trebenamcraksistam. Saudade!

  • Imagem: Reprodução/Youtube
    Reprodução/Youtube
    Imagem: Reprodução/Youtube

    "Desfecho" antes do final

    Um dos episódios mais sombrios e emocionantes foi o quinto, chamado "Um Encontro no Passado", que poderia ter sido o último do desenho. Nele, Sara cai no portal em que a leva para Dar-Shan anos antes de ter nascido e no dia em que sua mãe, a Rainha Sarana, iria se casar com o Príncipe Kevin, seu pai. Várias revelações são mostradas nesse episódio, como o dia em que Sara conhece o Cavalo de Fogo, que os Goons eram humanos transformados em criaturas bizarras depois de liberarem os Espectros, que a inveja que Diabolyn sentia da própria irmã era por não pertencer ao trono do reino e, por isso, lançou a maldição na família. E, por fim, quando a princesa volta à Terra descobre que que seu pai adotivo, John Cavanough, é o Príncipe Kevin, seu pai verdadeiro que foi levado para a Terra para se livrar da maldição de Diabolyn. Apesar de ser o típico final feliz de uma história, o último episódio de verdade do desenho foi aquele em que Cavalo de Fogo se tornaria o rei do Santuário dos Cavalos, mas abdicou da coroa para se dedicar ao planeta Dar-Shan.

  • Imagem: Reprodução/Youtube
    Reprodução/Youtube
    Imagem: Reprodução/Youtube

    Episódio "perdido"

    Entre os fãs do desenho, há uma teoria de que o primeiro episódio de "Cavalo de Fogo", uma espécie de piloto, era bem diferente do original. Nele, Sara teria o mesmo rosto de Alvinar e lembrava um demônio, mesmo sendo do bem. Nessa versão, o pai adotivo da garota conheceria a verdadeira identidade dela. Reza a lenda que os estúdios Hanna-Barbera tinham receio que o desenho poderia ser banido pela aparência da princesa, recriaram a menina e também modificaram a história, mas não há indícios concretos de que esse episódio "perdido" realmente tenha existido.

  • Imagem: Reprodução/Youtube
    Reprodução/Youtube
    Imagem: Reprodução/Youtube

    Dubladores famosos

    Miriam Ficher e Luiz Feier Motta são as vozes brasileiras de Sara e Cavalo de Fogo, respectivamente, Suas vozes ser ouvidas em diversas produções internacionais até hoje. Miriam também dubla as atrizes Drew Barrymore, Angelina Jolie, Jodie Foster, Nicole Kidman, Uma Thurman, Winona Ryder, Juliette Lewis e Meg Ryan na maioria das versões brasileiras dos filmes em que elas atuaram. Luiz é conhecido como o dublador de Silvester Stallone, Morgan Freeman, Steven Segal e narrador do desenho "Meninas Superpoderosas", entre outros trabalhos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo