Televisão

Chuca Chuca, Peruca, Scarpa: Marcelo Rezende explica apelidos de repórteres

Edu Moraes/Divulgação/Record
Marcelo Rezende comanda o "Cidade Alerta" e dá apelidos aos repórteres Imagem: Edu Moraes/Divulgação/Record

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

16/02/2017 04h00

"Aurélio Chuca Chuca", "Narla Biquinho de Lacre" ou "Hannah Montana": quem assiste à programação da Record à tarde pode se surpreender ao observar na tela o nome dos repórteres do "Cidade Alerta", "batizados" com apelidos inusitados.

O responsável por tanta criatividade é o apresentador Marcelo Rezende, que decidiu criar uma "intimidade ou empatia maior com o público" dando apelidos engraçadinhos aos profissionais que trabalham em sua equipe.
 
"Eu achei que criaria uma intimidade maior com o público. Ficaria mais fácil de ter uma empatia. Mas não foi algo pensado, elaborado - senti num momento inicial da minha volta ao programa. Aí nasceu o Percival, o 'Morto', que agora virou 'Faraó' por causa do trono que conseguimos. Eram repórteres novos, sem um reconhecimento nacional. Daí seria mais fácil a pessoa reconhecê-los. Deu certo", disse em entrevista ao UOL.
 
Rezende rebate ainda os críticos de plantão, que acreditam que a criatividade dos apelidos podem afetar a credibilidade dos repórteres. "O apelido não muda a credibilidade de ninguém - nem aumenta nem diminui. É a capacidade da pessoa que faz a diferença. E o 'Cidade Alerta' é ambiente de gente bem-humorada, alegre.  É tanta violência nesse país que acredito que assim amenizo um pouco a tensão", disse ele.
 
O apresentador garante ainda que nenhum profissional reclamou até hoje por ter recebido o apelido no ar. "Só faço quando percebo que a pessoa sabe e gosta de brincar. É uma coisa espontânea, sai na hora. Não dá tempo de perguntar, mas até agora tudo corre suave", garantiu.
 
A pedido do UOL, Rezende explicou a origem de alguns dos apelidos. Confira:

Haja criatividade!

  • Imagem: Reprodução/TV Record
    Reprodução/TV Record
    Imagem: Reprodução/TV Record

    Aurélio Chuca Chuca

    Ele se chama Aurélio Freitas, mas já no "Cidade Alerta" passou a ser reconhecido nas ruas como "Aurélio Chuca Chuca". Segundo Rezende, o apelido foi devido ao topetinho dele, que mais parece "uma criança de cinco anos".

  • Imagem: Reprodução/TV Record
    Reprodução/TV Record
    Imagem: Reprodução/TV Record

    Bruno Peruca

    Bruno de Abreu é considerado um dos principais repórteres do "Cidade Alerta", em São Paulo, e foi batizado por Rezende de "Bruno Peruca". Ele apareceu no primeiro dia "com um cabelão cortado como se fosse uma peruca". Rezende chegou a exibir um vídeo no qual aparece ele mesmo cortando o cabelo de Bruno.

  • Imagem: Imagem/Arquivo pessoal
    Imagem/Arquivo pessoal
    Imagem: Imagem/Arquivo pessoal

    Chiquinho Scarpa

    Em Franca, Rafael Ribeiro ganhou o apelido de Chiquinho Scarpa devido às semelhanças físicas com o folclórico playboy brasileiro. "Olha para um e para o outro", sugeriu Rezende.

  • Imagem: Reprodução/TV Record
    Reprodução/TV Record
    Imagem: Reprodução/TV Record

    Fabíola Rabo de Arraia

    Fabíola Gadelha trabalhava na afiliada da Record, em Manaus (AM), e ganhou status de celebridade na internet depois que suas reportagens com suspeitos se espalharam pelas redes sociais. Foi contratada pela cabeça de rede, em São Paulo, onde passou a ser chamada de "Rabo de Arraia". Por dois detalhes, de acordo com o apresentador: "pela ferocidade que ela entrevistava os presos, mais parecia que ia dar um golpe de capoeira neles", e também "pelo buzanfã".

  • Imagem: Reprodução/Facebook
    Reprodução/Facebook
    Imagem: Reprodução/Facebook

    Hannah Montana

    Amanda Silva (ou "podem me chamar de Hannah Montana") é repórter do programa policial da Record, em Porto Alegre. "Ela entrou com esses óculos quadrados hoje na moda e eu achei que era igual ao da Hannah, que jamais usou óculos. Mas pegou", explicou o apresentador, citando a personagem de Miley Cyrus.

  • Imagem: Reprodução/TV Record Brasília
    Reprodução/TV Record Brasília
    Imagem: Reprodução/TV Record Brasília

    Narla Biquinho-de-Lacre

    Narla Aguiar é profissional de prestígio em Brasília (DF). Já foi repórter de rua, apresentadora na edição local do "Balanço Geral", mas nas mãos de Rezende ficou conhecida como "Narla Biquinho de Lacre". Segundo o apresentador, a ideia do apelido surgiu depois de comparar a boca da jornalista com a de um passarinho. "Você já viu um passarinho chamado de biquinho-de-lacre? A ponta do bico é vermelha. Igual ao batom que ela usa naquela boca pequenina", comparou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Colunas - Ricardo Feltrin
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo