Famosos

Gay, trans... e daí? 6 famosos que apoiam os filhos LGBT

Reprodução/Fotomontagem/UOL
Marília Gabriela, Popó e Marcelo Tas: Eles são famosos e apoiam a orientação sexual dos filhos Imagem: Reprodução/Fotomontagem/UOL

Do UOL, em São Paulo

16/08/2017 15h44

Em nome da felicidade dos filhos, eles lutam contra o preconceito e viram uma fera quando é para defendê-los.

Popó Freitas, Marcelo Tas e Gretchen são alguns dos famosos que têm filhos gays ou trans e já declararam seu amor em público.

Veja 6 famosos orgulhosos de seus filhos:

  • Imagem: Divulgação/RedeTV!
    Divulgação/RedeTV!
    Imagem: Divulgação/RedeTV!

    Popó

    O ex-lutador Popó Freitas faz de tudo pelo filho, que é gay e recebe todo o apoio do pai, que tem consciêndia do preconceito que ele pode sofrer.

    "A gente vê o pessoal na rua batendo, maltratando as pessoas porque elas têm as suas opções. Espero que isso nunca aconteça com ele. E se acontecer, eu vou com a mesma ira pra cima, pra descontar na porrada", falou ele em entrevista para a RedeTV!.

    O jovem contou para Popó que é gay aos 15 anos. Ele disse que o boxeador, inclusive, se dá bem com o namorado dele.

  • Imagem: AgNews
    AgNews
    Imagem: AgNews

    Marília Gabriela

    Uma foto de Theodoro Cochrane beijando outro homem no Carnaval de 2015 deu o que falar. Marília Gabriela considerou a repercussão sobre seu filho exagerada e demostrou seu apoio:

    "Eu tenho um filho que se chama Theodoro Wallace de Toledo Cochrane, ele tem 36 anos de idade, tem ótima formação, é inteligente, maduro, cidadão e tem direito a viver integralmente sua vida. Assustador para mim é ignorância, desonestidade, preconceito, homofobia e outras fobias".

  • Imagem: Thiago Duran/AgNews
    Thiago Duran/AgNews
    Imagem: Thiago Duran/AgNews

    Gretchen

    A transição de gênero de Thammy foi acompanhada pelo público. Ele, que nasceu mulher, ficou famoso quando dançava ao lado da mãe, Gretchen.

    O tempo passou, ele se assumiu gay e, posteriormente, entendeu que era um homem trans. Em sua biografia, contou que a rainha do bumbum chegou a levá-lo para sessões de exorcismo em uma igreja evangélica.

    Os anos se passaram e Gretchen entendeu a transição de Thammy. Hoje ele tem todo apoio da mãe, que sente o maior orgulho do herdeiro.

  • Imagem: Reprodução/Instagram
    Reprodução/Instagram
    Imagem: Reprodução/Instagram

    Kadu Moliterno

    "O orgulho da família". É assim que Kadu Moliterno fala sobre o filho, Kenui, que ganhou fama com um canal no YouTube chamado "Gay Code".

    O jovem se assumiu homossexual em Los Angeles, Estados Unidos. Ele disse que sofreu muito bullying no Brasil.

    "Ele está ajudando muita gente ao se posicionar dessa forma no YouTube. Acho o maior barato. A mentalidade lá (nos EUA) é completamente diferente. As pessoas não têm a mesma postura que no Brasil. Fico mais tranquilo, acho que ele está protegido. Mas o preconceito existe, não dá para mudar isso. No fundo, a gente sempre fica preocupado", disse o ator à colunista Patrícia Kogut, do jornal "O Globo", em janeiro.

  • Imagem: Reprodução/Fotomontagem
    Reprodução/Fotomontagem
    Imagem: Reprodução/Fotomontagem

    Marcelo Tas

    Marcelo Tas não esconde o amor incondicional que sente pelo filho, que é transgênero. Luc é advogado e mora nos Estados Unidos.

    Ele revelou aos pais que era bissexual com 15 anos e, aos 22, contou que, na verdade, se identicava como homem -- e não como mulher.

    Tas afirmou, no "Encontro com Fátima Bernardes", que a transição de gênero é uma realidade, embora tenha vergonha de viver num país campeão de assassinatos de pessoas trans: "A gente precisa entender que é uma realidade, mas o que nos atrapalha muito é a ignorância [das pessoas], que o preconceito leva à violência. Eu tenho vergonha de viver em um país que é campeão mundial de assassinatos contra as pessoas transgêneras."

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Cris Mortágua

    Cristina Mortágua e seu filho com o jogador de futebol Edmundo enfrentaram uma crise, com direito a barraco da ex-modelo em uma delegacia do Rio de Janeiro em 2011. O jovem Alexandre Mortágua, que chegou a sair de casa, se assumiu homossexual (ele posou para uma revista voltada ao público gay) e se entendeu com a mãe.

    A desavença, no entanto, até recentemente emocionava Cristina, que durante "A Fazenda 7" chorou bastante quando falou do filho. "Eu consegui passar por cima do que ele fez e amá-lo mais ainda".

    O jogador Edmundo já havia dito que a orientação sexual de Alexandre não mudava o que ele sentia. "Amo meu filho incondicionalmente", falou ele no Carnaval de 2011.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
ANSA
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo