Topo

Famosos

Sósia de Tatá, fã do Lula e mais ex-Miss Bumbum que causam após concurso

Montagem/UOL
Ex-candidatas ao Miss Bumbum que causam fora do concurso Imagem: Montagem/UOL

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

08/12/2018 04h00

Na madrugada desta sexta-feira (7), a ex-candidata ao Miss Bumbum 2018, Aline Uva, forçou a barra para conseguir mais 15 minutos de fama. Ela agarrou o cantor Belo em uma casa noturna de São Paulo. A atitude não é novidade: a modelo gaúcha arrancou a faixa da vencedora na premiação deste ano.

Não foi a primeira a tentar esticar os efeitos do "sucesso". O UOL lembra de algumas concorrentes, vencedoras ou não, que causaram para chamar a atenção.

  • Rainha dos barracos

    Andressa Urach será sempre lembrada como vice-campeã do Miss Bumbum 2012. Ao sair do concurso, protagonizou uma série de confusões, e também afirmava ter tido um affair com o jogador português Cristiano Ronaldo.

    O que acabou por consagrar a fase barraqueira foi sua participação no reality show "A Fazenda 6", em 2013. Ela teve diversas brigas, principalmente com Denise Rocha, a pior delas, no entanto, foi com Mateus Verdelho. Eles trocaram cusparadas.

    Desde que se converteu à Igreja Universal do Reino de Deus, em 2015, depois de ficar entre a vida e a morte por conta de procedimentos estéticos, ela rejeita a imagem que cultivou no passado e se tornou uma crente fervorosa.

  • Reprodução/Rede TV!

    Fã do Lula

    A baiana Milena Teixeira venceu o concurso Miss Bumbum Estados Unidos, em 2013. Apesar de posar nua duas vezes, ficou conhecida no Brasil após seu marido, Alexandre Teixeira, se tornar ministro do Turismo em 2016. Na ocasião, ela postou nas redes sociais fotos tiradas no gabinete do marido, onde aparece com um generoso decote.

    Por ocasião da posse dele, Milena deu entrevistas e em uma confessou sua "paixão" pelo ex-presidente Lula, com quem havia se encontrado em 2013, após sete horas de espera. "Não aguentei, agarrei, abracei e beijei", disse.

  • Reprodução/RedeTV!

    Artista do verso

    Em 2016, Danny Moraes ficou em segundo lugar no concurso. Após tentativas frustradas de chamar a atenção da imprensa, como invadir seminua um jogo entre Grêmio e Palmeiras para tentar agarrar jogadores, ela fez um ensaio fotográfico pintando quadros com os glúteos, no ano passado. O local escolhido para a performance foi uma movimentada rua de São Paulo.

  • Reprodução/Multishow

    Sósia da Tatá Werneck

    Candidata no concurso de 2013, Cida Alves virou a sósia da humorista mais famosa do Brasil, graças a postagens virais nas redes sociais. Neste ano, a própria Tatá entrou em contato com Cida e a convidou para uma participação no "Lady Night".

    "Ela realmente é muito parecida comigo", brincou Tatá, no programa exibido no dia 27 de novembro. Por conta da semelhança, Cida diz que entrará para o casting de uma agência de sósias.

  • Tatttoo de direita

    Erika Canela ganhou o concurso em 2016 e decidiu chamar a atenção de outra parte de seu corpo. Ela tatuou nas costas o rosto de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos. A atitude da miss chegou ser noticiada no tabloide britânico "The Sun".

    Na época, ela afirmou que fez a tatuagem para chamar a atenção para os brasileiros que viviam ilegalmente nos EUA. Um mês depois ela se arrependeu por conta de declarações de Trump. Foi então que ela fez uma nova tatuagem sobre o rosto do mandatário.