Topo

Famosos

Sexo cristão, superação: famosos diversificam carreira com palestras

Marcus Monnerat/Divulgação
Angela Bismarchi Imagem: Marcus Monnerat/Divulgação

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

07/06/2018 13h20

Depois de se tornar evangélica, há dois anos, Angela  Bismarchi se unirá ao time de famosos que se tornaram palestrantes. Ela levará seu testemunho de vida em igrejas pelo país e, ao lado do marido, Wagner Moraes, ela pretende dar dicas para um casamento feliz para casais cristãos.

Casada há 14 anos, Bismarchi abordará, inclusive, assuntos como sexo e o que convém ou não entre quatro paredes. Ela mesma define o que mudou em sua intimidade ,que "deixou de ser carnal e passou a se tornar mais espiritual". "A gente procura fazer amor nos preceitos da palavra, um respeitando a vontade do outro", afirma.

A seguir, veja famosos que, como Angela  Bismarchi, passaram a dar palestras de assuntos como liderança, superação e empreendedorismo: 

  • Os 10 mandamentos do amor (cristão), por Angela Bismarchi

    Angela Bismarchi, que lançou um livro sobre sexo, "Os 10 Mandamentos Do Amor", de 2011, diz que reecreveria recomendações da obra em que são narradas fantasias sexuais. No primeiro mandamento, por exemplo, ela sugeria ao casal que fizesse sexo 30 vezes por mês.

    "Isso de fazer sexo todo dia, eu já não penso assim. Quando se está jejuando, não é possível. Você vai fazer sexo quando tem um clima, uma vontade. Eu procuro fazer o que me agrada. E o meu marido respeita a minha vontade. Tem certas posições [sexuais] que não faço mais", afirma.

    Para Bismarchi, o importante é que a sintonia entre o casal seja levada, também, para a cama. Ela diz que não deixou de fazer sexo oral, mas hoje já não aceita mais praticar a posição anal: "Não me agrada mais. Eu não quero e meu marido tem que respeitar a minha vontade. Não me atrai mais".

    Já sobre fantasias sexuais, Bismarchi não vê problema: "Eu aceito. O homem é movido pelo olhar, precisa de estímulo. Ele olha para a mulher e o tesão vem. Se a mulher não tiver aquela sensualidade, não rola. Como o homem vai ter tesão?"

  • Formação de líderes, com André Segatti

    André Segatti não desistiu exatamente da carreira artística, mas aproveitou para lucrar em outras searas. Ele, que fez uma participação no humorsítico "Tá no Ar", neste ano, mergulhou de cabeça em outra profissão: como coach e recrutador de uma empresa de cosméticos.

    Ao UOL, o ator comentou a vocação como empreendedor: "Meu foco não é em vendas e sim na transformação de pessoas, e isso também se tornou um ideal de vida pra mim, me transformando em uma pessoa muito melhor".

    Na empresa, onde está há dois anos, Segatti tem como principal função ajudar na formação de líderes. Ele explica: "Muitas pessoas não tinham hábitos de leitura, se alimentavam mal, não se portavam como deveriam, não se vestiam de acordo. Não equilibrando, assim, as cinco saúdes, sendo elas: espiritual, familiar, financeira, física e mental, o que são de extrema importância".

    Na televisão, ele pode ser visto atualmente na reprise de "Rei David", da Record TV.

  • Como alcançar a prosperidade, com Raul Gazolla

    Raul Gazolla, que voltou ao ar ano passado em "A Força do Querer" e no quadro "Dança dos Famosos", também explora seu lado empreendedor. Na atividade paralela à carreira de ator, Gazolla participa como palestrante de uma aula sobre finanças.

    Ao lado dos empresários Maurício Patrocínio e Levi Zrachia, Gazolla, que enfrentou a trágica morte da mulher, Daniella Perez, assassinada em 1992, fala de sua história de superação em palestras sobre como alcançar a prosperidade.

    O ator também é garoto propaganda dos workshops, já promovidos em diversas cidades do país. Em vídeos, ele faz o convite para os encontros.

  • Isabelle Drummond: do Sítio para os negócios

    Com uma sócia formada em administração, Isabelle Drummond abriu recentemente uma empresa de delivery de comida saudável e passou a fazer palestras sobre empreededorismo. Nos workshops, a atriz usa como exemplo até a boneca Emília, do "Sítio do Picapau Amarelo", que ela interpretou na infância, para falar de criatividade.

    A atriz participou deste ano da Bienal Geek, em Recife, onde comentou sobre a transição para o segmento dos negócios e a ideia para a criação de sua empresa.

    "A ideia é fazer uma comida vegana, saudável, mas muito saborosa e que as pessoas possam confiar", disse ela ao ser entrevistada no evento.

  • O que os palcos não contam, por Leo Chaves

    Em "A Grande Revolução: seja uma marca", o sertanejo Leo Chaves, da dupla Victor e Leo, aborda temas como transformação e relacionamentos. Em vídeo de divulgação da palestra, o ex-jurado do "The Voice" ainda promete: "A gente vai falar sobre a minha história de vida, o que os palcos não contam".

    Leo pretende trazer assuntos apresentados em seu livro, "No Colo dos Anjos", lançado ano passado. A obra de ficção, que marcou a estreia do músico como escritor, aborda conceitos como inteligência emocional e desenvolvimento humano em narrativa sobre superação e autoconhecimento.

  • Superação, por Pedro Leonardo

    Após ficar em coma depois de um grave acidente de carro, em 2012, Pedro Leonardo se preparou durante um ano até sentir-se pronto para começar a palestrar.

    Em "Novos Tempos", nome que deu às reuniões, o filho do cantor Leonardo fala sobre a fatalidade que sofreu e compartilha histórias de superação da família como exemplos de superação.

    "Dedique-se ao máximo em tudo o que você faz. Nem sempre você vai ter um novo tempo como estou tendo hoje. Se você está preparado, tome a ação. Você sabe o que é certo, faça! Você tem que ser proativo. Seja o cavaleiro da sua carruagem", ensina.

    O cantor, que pretende retomar a carreira musical, diz que se preparou assistindo a palestras do professor Leandro Karnal e dos consultores financeiros Nathalia Arcuri e Gustavo Cerbasi.