Topo

TV e Famosos

Gasto com publicidade salta 33% em cinco anos, diz Ibope

Getty Images
Imagem: Getty Images
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

22/01/2016 06h33

O total de gastos de empresas com publicidade na Grande São Paulo cresceu 33% entre 2010 e 2014.

O volume de dinheiro no setor passou dos R$ 23 bilhões para R$ 30 bilhões. Desse total, 58% foram abocanhados pela TV aberta, e a Globo teria ficado com pelo menos 80% desse montante.

A estimativa é que a publicidade em todo o país, em 2014, tenha ficado na casa dos R$ 40 bilhões. Ou seja, São Paulo concentra 75% da publicidade nacional.

Os números acima explicam em parte porque os programas da TV só se importam praticamente com a audiência que obtêm em São Paulo, e não no restante do país.

Muitos leitores costumam protestar (no sistema de comentários) que acham isso injusto, que não é certo dar os resultados apenas de São Paulo, já que existem outras 14 regiões metropolitanas sendo mensuradas Brasil afora.

É verdade, mas com 75% do dinheiro em apenas uma região, é natural que ela seja a mais importante para os anunciantes. E põe importante nisso.

Das mais de 40 praças analisadas no estudo, São Paulo foi a que registrou maior aumento.

Jornais e rádios dividiram os outros 40% (31% para o primeiro). O restante foi dividido entre internet e TV paga.
 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais TV e Famosos