TV e Famosos

Na TV, pastor pede a Deus que livre o Brasil de Lula e do PT

Reprodução/Facebook
Líder da Igreja Plenitude implora na TV para que Deus salve o país dos petistas Imagem: Reprodução/Facebook
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

07/03/2016 08h13Atualizada em 07/03/2016 08h17

Se depender do desejo de alguns líderes evangélicos e se a oração espiritual realmente funcionar no mundo material, Lula e seus companheiros petistas já estão com dias contados.

Dois dos mais famosos líderes evangélicos televisivos estão em franca campanha contra o governo Dilma e, agora, principalmente contra Lula.

O pastor televisivo --auto-intitulado apóstolo-- Agenor Duque, da Igreja Plenitude (em franco crescimento no país), tem feito orações coletivas na TV nas quais pede “intensamente” que Deus livre o Brasil do PT e seu maior líder, Lula --o mais recente alvo da Operação Lava Jato.

“Deus, nós lhe pedimos, nós lhe imploramos: livrai o Brasil dessa gente corrupta, meu Deus, livra o Brasil do PT, livra o Brasil de Lula! Salve nosso país, Senhor”, pregou Duque emocionado, de olhos cerrados, com praticamente toda a Igreja de mãos aos céus exclamando “Amém”.

Em termos de oposição política, Agenor Duque e a Plenitude estão à frente, no tempo, de muito oposicionista recente de Brasília: desde pelo menos meados do ano passado o líder defende o impeachment de Dilma Rousseff e uma "investigação total" sobre Lula.

A Plenitude tem hoje um canal na TV paga, além de horários adquiridos na RedeTV e no canal rede Brasil. Tem ainda um número incerto de rádios AM e FM pelo país.

Aos fiéis mais próximos, segundo esta coluna apurou, Duque vem insistindo que os dois últimos governos petistas “são os mais  corruptos e demoníacos que o Brasil já teve”.

MAIS PAULADA

Outro influente líder evangélico que está em cruzada ainda mais antiga contra o governo Dilma, Lula e o PT é o também pastor televisivo Silas Malafaia (Vitória em Cristo), que lançou ontem um novo vídeo um libelo contra o ex-presidente.

Sob o títulod e “malafaia massacra Lula”, o vídeo foi postado ontem, horas depois de Lula atacar a PF e as investigações da Lava Jato, na sexta à noite, em uma espécie de comício-ataque no Sindicato dos Bancários em São Paulo.

“Eu quase chorei, mas de rir, de ver o cinismo, a mentira de Lula para tentar se defender. Primeiro ele vem com aquela de dar uma de pobre, para se tornar vítima…. Ora, todo covarde se esconde atrás de pessoas humildes para se passar por vítima”, abre Malafaia no vídeo postado em seu canal oficial do You Tube.

“Não mente, não, seu sonso, covarde”, bate o  evangélico, que ainda exige explicações detalhadas de Lula sobre suas relações suspeitas com empreiteiros.

De todos os líderes evangélicos do país, Malafaia tem sido o mais incisivo e mais antigo crítico dos governos petistas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais TV e Famosos

Topo