TV e Famosos

Audiência do "Fantástico" se recupera e sobe 20% em um ano

Reprodução/TV Globo
Tadeu Schimdt e Poliana Abritta, os âncoras do "Fantástico", que melhorou no ibope Imagem: Reprodução/TV Globo
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

21/03/2016 18h30Atualizada em 21/03/2016 18h30

Depois de vários anos de “vacas magras”, mesmo sendo líder de audiência, aos poucos as mudanças feitas no “Fantástico” começam a dar resultado.

Em um ano, a audiência do dominical da Globo cresce quase 20%.

Em abril do ano passado, o ibope do programa na Grande São Paulo era de 19 pontos. Este mês a média já está em 22,6 pontos.

A participação no universo de TVs ligadas (também conhecido como share)  também cresceu: de 30,4% em abril do ano passado para 34% agora.

Uma das mudanças no “Fantástico”, além da entrada de Poliana Abritta no final de 2014, tem sido a forte orientação para elaboração de matérias populares e que envolvam, especialmente, celebridades nacionais e internacionais.

O programa cobriu com afinco, por exemplo, o “Caso Joelma-Chimbinha”, o que causou críticas inclusive dentro da Globo --revoltando parte da equipe do dominical.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais TV e Famosos

Topo