TV e Famosos

Discretamente, Globo faz alerta interno a "empresários" de artistas

Prefeitura de São Paulo
Globo teme que funcionários tenham nome envolvido na "máfia dos shows" Imagem: Prefeitura de São Paulo
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

24/06/2016 10h44Atualizada em 24/06/2016 11h26

De forma muito discreta, alguns diretores da Globo estão fazendo alertas verbais para que seus funcionários não usem de forma alguma o email da emissora para tratar de assuntos particulares.

Do ponto de vista corporativo, isso parece óbvio, mas o recado é outro: sabe-se que alguns funcionários da emissora têm um segundo “emprego”, seja empresariando ou “apoiando” cantores e bandas, famosas ou não.

O temor da Globo é que algum desses “empresários” internos apareça em algum escândalo, como o da Máfia dos Shows Públicos, e acabe envolvendo o nome da casa injustamente.

A Globo não proíbe seus funcionários e prestadores de serviço de terem outras atividades profissionais, desde que isso não interfira na performance do profissional, e que, claro, seja feita fora do horário de trabalho.

O problema é que alguns funcionários acabam usando o email da emissora (um símbolo de poder) para tratar de assuntos privados, e é justamente isso que a Globo quer impedir.

@feltrinoficial

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo